O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

Factos do Milan - Porto

O Milan precisa urgentemente de uma vitória, já que o Porto chega a San Siro com os italianos ainda em busca dos primeiros pontos no Grupo B.

Jardel  festeja após marcar o golo da vitória do Porto frente ao Milan, em San Siro, em Setembro de 1996
Jardel festeja após marcar o golo da vitória do Porto frente ao Milan, em San Siro, em Setembro de 1996 PA Images via Getty Images

O Milan precisa urgentemente de uma vitória, já que o Porto chega a San Siro com os italianos ainda em busca dos primeiros pontos no Grupo B.

Cobertura em directo: Milan - Porto

• Luis Díáz marcou o único golo do jogo no Porto na terceira jornada, a primeira derrota do Milan em Portugal na nona visita, o que faz com que os italianos somem três derrotas em três jogos na UEFA Champions League esta época, depois de Liverpool (2-3) e em casa com o Atlético (1-2). O Porto, que empatou em 0-0 com o Atlético e perdeu em casa por 5-1 com o Liverpool, está empatado com o Atlético, com quatro pontos, cinco atrás do líder Liverpool.

• Esta é a primeira vez que o Milan perde os três primeiros jogos na fase de grupos da UEFA Champions League.

Confrontos anteriores

Resumo: Porto 1-0 Milan
Resumo: Porto 1-0 Milan

• As duas equipas enfrentaram-se dez vezes anteriormente, mais recentemente na Supertaça Europeia de 2003, quando Andriy Shevchenko (10), do Milan, marcou o único golo no Stade Louis II, no Mónaco.

• Esta foi a quarta vitória do Milan sobre o Porto, três das quais aconteceram na fase de grupos da UEFA Champions League. No entanto, quando se defrontaram nesta competição, em 1996/97, o Porto recuperou de duas desvantagens para vencer por 3-2, em San Siro, graças a um golo de Mário Jardel aos 82 minutos, o seu segundo no jogo, antes do empate 1-1, em Portugal. O actual treinador do Porto, Sérgio Conceição, alinhou nos dois encontros.

• O Milan levou a melhor sobre o Porto na fase de grupos em 1992/93, altura em que ganhou por 1-0 fora e em casa, e em 1993/94 (3-0 c, 0-0 f), tendo atingido a final em cada uma das ocasiões e erguido o troféu na última.

• O único outro triunfo do Porto sobre o Milan antes da Jornada 3 aconteceu no primeiro embate entre as equipas, na primeira eliminatória da Taça dos Campeões de 1979/80, quando Duda marcou, na segunda mão, em San Siro, o único golo dos dois jogos.

Guia de forma

Veja o bis de Jardel pelo Porto em 1996
Veja o bis de Jardel pelo Porto em 1996

Milan
• Vencedor da Taça dos Campeões Europeus em sete ocasiões, o Milan está presente na fase de grupos pela primeira vez desde 2013/14. Esta é a 18ª ocasião em que participa, menos quatro do que o recorde italiano de 22 da Juventus.

• O Milan chegou à fase a eliminar nas suas 11 campanhas mais recentes na UEFA Champions League, embora cinco das últimas seis tenham terminado nos oitavos-de-final.

• Os "rossoneri" foram derrotados pelo Atlético nos oitavos-de-final de 2013/14 (0-1 c, 1-4 f) e terminaram em segundo lugar no seu grupo, atrás do Barcelona, com nove pontos em seis jogos.

• O Milan participou nas competições europeias apenas três vezes desde essa derrota em 2014 com o Atlético, todas na UEFA Europa League. Chegou aos oitavos-de-final em 2017/18, tendo sido eliminado pelo Arsenal (0-2 c, 1-3 f), antes de não conseguir ultrapassar a fase de grupos na época seguinte.

• Em 2020/21, a equipa de Stefano Pioli terminou em primeiro no Grupo H com 13 pontos, à frente de LOSC Lille, Sparta Praga e Celtic, antes de eliminar o Estrela Vermelha devido à regra dos golos fora nos oitavos-de-final (2-2 f, 1-1 c). Mais uma vez, não conseguiu levar a melhor contra um adversário inglês nos oitavos-de-final e foi eliminado pelo Manchester United por 2-1 no total (1-1 f, 0-1 c).

• Os "rossoneri" perderam os últimos cinco jogos da UEFA Champions League e somaram uma vitória nos últimos dez jogos na competição (E3 D6). Em casa somam duas vitórias nas últimas dez partidas, da fase de grupos à final (E5 D3) e não venceram nas últimas quatro (E2 D2).

• O Milan é a única equipa italiana com mais do que um título na UEFA Champions League, tendo triunfado em 1994, 2003 e 2007. Também foi finalista derrotado em 1993, 1995 e 2005, mas não chega aos quartos-de-final desde 2011/12.

• Antes do jogo da terceira jornada, os "rossoneri" visitaram Portugal pela última vez na época passada, no "play-off" da UEFA Europa League, vencendo um épico desempate por penáltis frente ao Rio Ave por 9-8, após empate a dois golos tendo alcançado o segundo tento já nos descontos, através de penálti. Alexis Saelemaekers converteu a primeiro tentativa dos milaneses, seguindo-se Ismaël Bennacer, Simon Kjær, Theo Hernández, Brahim Díaz, Davide Calabria, Sandro Tonali, Rafael Leão e novamente Kjær, que decidiu o duelo. Bennacer também dispôs de duas grandes penalidades mas falhou a segunda.

• Dois dos sete triunfos do Milan na Taça dos Campeões Europeus foram frente ao Benfica, arqui-rival do Porto, em Londres em (1963, 2-1) e Viena (1990, 1-0).

Porto

Grandes golos do Porto na Champions League
Grandes golos do Porto na Champions League

• Esta é a 25ª campanha do Porto na fase de grupos da UEFA Champions League, menos uma apenas do que Real Madrid e Barcelona (ambos com 26).

• A equipa portuguesa qualificou-se para os oitavos-de-final nas quatro últimas campanhas na fase de grupos.

• Em 2020/21, o Porto foi segundo no Grupo C, atrás do Manchester City e à frente de Olympiacos e Marselha. Os “dragões” perderam por 3-1 na estreia em Manchester, mas depois não sofreram mais nenhuma derrota, nem mais golos, nos cinco desafios seguintes (4V 1E).

• Nos oitavos-de-final, o Porto bateu por 2-1 a Juventus na primeira mão em Portugal e apurou-se devido aos golos apontados fora após uma derrota no prolongamento em Turim, por 3-2, com Sérgio Oliveira a ser decisivo ao marcar de livre aos 115 minutos – o seu segundo tento no jogo.

• Os dois jogos dos quartos-de-final com o Chelsea foram disputados em Sevilha; o clube inglês venceu a primeira mão por 2-0 e seguiu em frente apesar de ter sido batido por 1-0 na segunda mão.

• O Porto terminou no segundo lugar da Liga portuguesa em 2020/21, a cinco pontos do campeão Sporting.

• Uma vitória por 3-0 em casa da Roma na segunda mão do "play-off" da UEFA Champions League 2016/17 é a única vitória do Porto nas últimas nove visitas a Itália (E2 D6) e foi a primeira desde a vitória por 3-2 no terreno do Milan, na fase de grupos de 1996/97.

• O Porto venceu oito dos últimos 17 jogos na UEFA Champions League (E2 D7); a derrota da temporada passada diante da Juventus é a única nos últimos cinco jogos fora (V3 E1).

Ligações e curiosidades
• Sérgio Conceição, treinador do Porto, jogou na Serie A ao serviço de Lazio (1998-2000 e 2003/04), Parma (2000/01) e Inter (2001-03). Ganhou a Taça das Taças de 1998/99 com a Lazio, seguindo-se a Serie A e a Taça de Itália na época seguinte, esta última novamente ganha aquando da sua passagem em 2003/04. O seu registo frente ao Milan foi: V3 E6 D2.

• Sérgio Conceição foi titular nas duas mãos das meias-finais da UEFA Champions League de 2002/03, com o Inter a ser eliminado frente ao Milan (0-0 f, 1-1 c).

• Rui Barros, treinador-adjunto de Sérgio Conceição, jogou em Itália ao serviço da Juventus, entre 1988 e 1990.

• Jogou em Portugal: Rafael Leão (Sporting 2008–18)

• O único golo de Rafael Leão no campeonato português em três jogos pela equipa principal do Sporting aconteceu na derrota por 2-1 no terreno do Porto, a 2 de março de 2018. Marcou a Diogo Costa na vitória do Sporting B sobre o Porto B por 3-0, a 2 de Dezembro de 2017.

• Jogou em Itália: Iván Marcano (Roma 2018/19)

• Jogaram juntos: Alessandro Florenzi e Iván Marcano (Roma 2018/19)

• Colegas de selecção: Rafael Leão e João Mário, Vitinha, Fábio Vieira, Francisco Conceição (Portugal Sub-21) Rafael Leão e Diogo Costa (Portugal Sub-16, Sub-17, Sub-19 e Sub-21)

• Brahim Díaz marcou a Diogo Costa na final do Campeonato da Europa Sub-17 da UEFA de 2016, ganho pela selecção lusa. A partida terminou empatada a um golo e Portugal superiorizou-se nos penáltis, apesar de Díaz ter convertido a sua tentativa.

• Pepe e Olivier Giroud foram titulares na final do UEFA EURO 2016, com Portugal a bater a França por 1-0 em Saint-Denis.

• O mexicano Jesús Corona e o argelino Ismaël Bennacer marcaram no empate a dois golos num amigável realizado a 13 de Outubro de 2020.

Últimas notícias

Milan

Golos clássicos do Milan na Champions League
Golos clássicos do Milan na Champions League

• O Milan venceu dez dos seus 11 jogos na presente edição da Serie A, incluindo os últimos seis, com a excepção a ser o empate a uma bola registado no terreno da Juventus, a 19 de Setembro. No domingo venceu fora a Roma, por 2-1.

• Zlatan Ibrahimović abriu o marcador no fim-de-semana, tendo apontado o seu 400º golo em campeonatos nacionais e o 150º na Serie A.

• Franck Kessie marcou de grande penalidade o golo da vitória, o seu terceiro de penálti nos últimos cinco jogos pelo clube e pela selecção; os seus últimos seis golos foram de penálti. Onze dos seus 13 tentos na Série A em 2020/21 também foram apontados da marca de grande penalidade.

• Os Rossoneri responderam à derrota fora sofrida perante o Porto com um triunfo por 4-2 no reduto de uma equipa do Bolonha que terminou esse jogo de 23 de Outubro reduzida a nove elementos, cabendo a Ismaël Bennacer e a Ibrahimović decidirem o encontro após os visitantes terem deixado fugir uma vantagem de dois golos.

• O tento apontado por Bennacer foi apenas o seu segundo em 77 presenças com a camisola do Milan e o seu primeiro desde 18 de Julho de 2020.

• Davide Calabria tinha marcado o segundo golo do Milan em Bolonha, por sinal o seu segundo na Serie A desta temporada, igualando dessa forma o seu melhor registo da carreira.

• Ibrahimović foi titular pela primeira vez nesta época após recuperar de uma lesão no tendão de Aquiles. O seu golo no domingo, apontado aos 40 anos e 28 dias, tornou-o o quarto marcador mais velho na história da Serie A, atrás de Alessandro Costacurta, Silvio Piola e Pietro Vierchowod.

• A 26 de Outubro, o Milan bateu o Torino por 1-0 em San Siro, com Olivier Giroud a assinar o golo da vitória e a tornar-se o primeiro jogador do Milan a marcar nos seus três primeiros jogos em casa desde Mario Balotelli, em 2013.

O Milan tornou-se na quarta equipa da história da Série A a vencer dez dos primeiros 11 jogos numa temporada, depois de Juventus (2018/19), Nápoles (2017/18, 2020/21) e Roma (2013/14).

• A sequência de cinco triunfos seguidos em casa do conjunto rossoneri no campeonato italiano é a sua mais longa desde 2014.

• Theo Hernández regressou ao ser lançado ao intervalo do encontro frente ao Torino, naquela que foi a sua primeira aparição desde a vitória por 2-1 da França contra a Espanha na final da UEFA Nations League, a 10 de Outubro, devido a doença. Foi titular no domingo mas foi expulso na segunda parte depois de ter visto o segundo cartão amarelo.

• Alessandro Florenzi não joga desde que se submeteu a uma artroscopia ao joelho a 1 de Outubro.

• A 13 de Outubro, o guarda-redes Mike Maignan submeteu-se a uma laparoscopia para resolver um recorrente problema num pulso.

• Samu Castillejo (coxa) e Fodé Ballo-Touré (tornozelo) lesionaram-se na partida em Bolonha e falharam o jogo diante do Torino. O último entrou no encontro de domingo.

• Ante Rebić não joga desde que sofreu uma lesão no tornozelo contra o Verona, a 16 de Outubro.

• Kjaer renovou o contrato com o Milan até junho de 2024. O jogador de 32 anos chegou ao clube em Janeiro de 2020 e o seu vínculo com emblema milanês expirava no Verão.

• O capitão da Dinamarca, Kjær, e a equipa médica dinamarquesa, cuja rápida reacção e experiência salvaram a vida de Christian Eriksen no UEFA EURO 2020, foram agraciados com o prémio do Presidente da UEFA 2021 em Istambul, a 26 de Agosto.

• Kjær está na lista de 30 finalistas para a Bola de Ouro, com o vencedor a ser anunciado a 29 de Novembro.

Porto
• O FC Porto continua invicto na Liga portuguesa desta temporada (8V 2E), tendo marcado 25 golos e sofrido apenas sete em dez jogos.

• Uma vitória por 3-1 em Tondela, a 23 de Outubro, a par de um triunfo por 4-1 em casa, ante o Boavista, aumentou a invencibilidade do Porto no campeonato nacional para 38 encontros (V29 E9). Os Dragões assumiram o comando da Liga portuguesa no fim-de-semana, em igualdade com o Sporting CP e com um ponto de vantagem sobre o SL Benfica.

• Um "hat-trick" de Mehdi Taremi valeu ao Porto a conquista dos três pontos em Tondela, chegando aos sete golos na Liga. Taremi também é o melhor marcador do Porto em todas as competições, com nove tentos.

• O último "hat-trick" de Taremi tinha acontecido num triunfo por 5-0 do Rio Ave ante o Desportivo das Aves, numa partida a contar para o campeonato e que teve lugar a 23 de Agosto de 2019.

• Luis Díaz juntou-se a Taremi com sete golos no campeonato, tendo marcado ao Boavista no fim-de-semana, com Evanilson a bisar, nos seus primeiros golos na Liga em 2021/22. O avançado inglês Danny Loader, de 21 anos, marcou na sua estreia na equipa principal.

• Taremi marcou o oitavo golo nos seus oito últimos jogos pelo Porto a 26 de Outubro, mas a derrota por 3-1 sofrida fora ante o Santa Clara acabou com as esperanças dos Dragões em conseguir o apuramento para a "final four" da Taça da Liga portuguesa, isto numa altura em que ainda têm de defrontar o Rio Ave a 15 de Dezembro.

• Esta é a 15ª campanha do Porto na Taça da Liga, por sinal a única competição interna que ainda não conseguiu conquistar; os azuis-e-brancos foram finalistas vencidos em 2010, 2013, 2019 e 2020.

• Pepe tornou-se no jogador mais velho a disputar uma partida oficial pelo Porto na primeira jornada da Liga portuguesa desta época. O capitão dos "dragões" tinha 38 anos e 163 dias quando derrotaram o Belenenses a 8 de Agosto, superando o recorde do antigo guarda-redes Silvino.

• A vitória frente ao Boavista foi a 38ª partida consecutiva de Sérgio Conceição na Liga portuguesa sem derrotas ao leme do Porto; trata-se da terceira série mais longa de um treinador do Porto, apenas superada por Bobby Robson (53 jogos) e Vítor Pereira (43).

• O Porto vai receber o CD Feirense, da II Liga, na quarta eliminatória da Taça de Portugal, a 20 de Novembro.

• Wendell sofreu uma lesão no joelho contra o Milan na Jornada 3 e não joga desde então.