O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

Resumo dos jogos de quarta-feira: Benfica não resiste ao Bayern, Ronaldo dá vitória ao United

Cristiano Ronaldo marcou ao cair do pano e o Manchester United conseguiu uma fantástica cambalhota no marcador ante a Atalanta, numa noite em que o Benfica aguentou 70 minutos frente ao Bayern antes de sofrer quatro golos.

Ronaldo festeja o golo da vitória do United
Ronaldo festeja o golo da vitória do United

Foi mais uma noite de UEFA Champions League para recordar para Cristiano Ronaldo. O melhor marcador de sempre da prova completou uma extraordinária cambalhota no marcador do Manchester United em Old Trafford, enquanto o Benfica travou o Bayern até meio do segundo tempo, mas acabou goleado; o Chelsea também goleou e o Barcelona somou os primeiros pontos.

O UEFA.com resume toda a acção dos jogos desta quarta-feira da terceira jornada.

Todos os resultados de terça-feira

Clique em cada resultado para conferir como tudo se passou em cada encontro. Os melhores momentos de cada jogo estarão disponíveis a partir da meia-noite do local onde se encontre.

Grupo E

Resumo: Barcelona 1-0 Dynamo Kiev
Resumo: Barcelona 1-0 Dynamo Kiev

Barcelona 1-0 Dínamo Kiev

Getty Images

O Barcelona somou os seus primeiros pontos da temporada na prova ao bater o Dínamo Kiev. Sergiño Dest e Luuk de Jong viram o guarda-redes visitante, Georgiy Bushchan, negar-lhes o golo, antes de Gerard Piqué rematar de primeira, certeiro, após excelente cruzamento de Jordi Alba, perto da meia hora de jogo.

Ronald Koeman mudou depois muita gente no ataque no segundo tempo, com a sua equipa em busca do segundo golo, mas Ansu Fati e Philippe Coutinho, vindos do banco, não conseguiram aproveitar boas oportunidades.

Principal estatística: Piqué tornou-se no jogador mais velho de sempre a marcar um golo pelo Barcelona na Champions League, com 34 anos e 260 dias.

02/11: Dínamo Kiev - Barcelona

Resumo: Benfica 0-4 Bayern
Resumo: Benfica 0-4 Bayern

Benfica 0-4 Bayern

Sané festeja um dos golos do Bayern
Sané festeja um dos golos do BayernGetty Images

Com uma ponta final arrasadora, o Bayern marcou quatro golos no espaço de 15 minutos a partir do minuto 70 e acabou por golear o Benfica, chegando aos 20 jogos seguidos sem perder na Champions League. Robert Lewandowksi e Thomas Müller viram dois golos anulados pelo VAR antes de Leroy Sané abrir o activo na transformação de um livre. Acabado de entrar, Everton fez, depois, um autogolo, antes de Sané assistir Lewandowski para, com um golo fácil, elevar para 3-0. Sané viria, depois, a bisar no encontro, ao finalizar bem após um passe recuado.

Principal estatística: O Bayern leva agora 25 jogos seguidos a marcar na Champions League.

02/11: Bayern - Benfica

Grupo F

Resumo: Young Boys 1-4 Villarreal
Resumo: Young Boys 1-4 Villarreal

Young Boys 1-4 Villarreal

AFP via Getty Images

O guarda-redes do Villarreal, Gerónimo Rulli, brilhou a grande altura antes de a equipa do "submarino amarelo" partir, no fim, para um triunfo confortável. Cabeceamentos certeiros do aniversariante Yeremi Pino e de Gerard Moreno colocaram o Villarreal na frente, mas o Young Boys reagiu e reduziu por Meschack Elia, a 13 minutos do fim.

Só que Alberto Moreno e Samu Chukwueze marcaram mais dois para a equipa de Unai Emery no espaço de poucos minutos à beira do fim.

Principal estatística: Esta foi a primeira vitória do Villarreal numa fase de grupos da Champions League desde um triunfo por 6-3 sobre o Aalborg em 2008

02/11: Villarreal - Young Boys

Resumo: Man. United 3-2 Atalanta
Resumo: Man. United 3-2 Atalanta

Man. United 3-2 Atalanta

Getty Images

Cristiano Ronaldo coroou uma reviravolta empolgante, com os "red devils" a levarem a melhor num jogo emocionante do primeiro ao último minuto em Old Trafford. O Atalanta foi irresistível nos primeiros 45 minutos, com Mario Pašalić e Merih Demiral a construírem uma vantagem de 2-0, mas o United surgiu fortíssimo do intervalo.

Rashford rapidamente reduziu a diferença e os anfitriões já dominavam quando Maguire empatou, a 15 minutos do fim. Um cabeceamento de Ronaldo - quem mais? - garantiu os três pontos.

Principal estatística: o United nunca tinha ido para o intervalo a perder por dois golos num jogo caseiro na Champions League.

02/11: Atalanta - Man. United

Grupo G

Resumo: Salzburgo 3-1 Wolfsburgo
Resumo: Salzburgo 3-1 Wolfsburgo

Salzburgo 3-1 Wolfsburgo

UEFA via Getty Images

O Salzburgo consolidou a sua posição no topo do grupo graças a dois golos de Noah Okafor na segunda parte. Karim Adeyemi, melhor marcador da Bundesliga austríaca, inaugurou o marcador logo aos três minutos, mas os visitantes rapidamente empataram, graças a um cabeceamento de Lukas Nmecha.

No entanto, os anfitriões dispararam rumo à vitória na etapa complementar, com Okafor a mostrar instinto goleador para finalizar à boca da baliza em duas ocasiões, após o Wolfsburgo não ter conseguido afastar bolas vindas de canto.

Principal estatística: o Salzburgo não perde há 25 jogos em todas as competições, tendo vencido 22.

02/11: Wolfsburgo - Salzburgo

Resumo: LOSC 0-0 Sevilha
Resumo: LOSC 0-0 Sevilha

Lille 0-0 Sevilha

Renato sanches ficou perto do golo frente ao Sevilha
Renato sanches ficou perto do golo frente ao SevilhaIcon Sport via Getty Images

O LOSC teve de se contentar com o segundo empate caseiro no grupo frente a um Sevilha que cedo podia ter ganho vantagem; Tiago Djaló cortou sobre a linha de golo e, na resposta, Renato Sanches ficou perto de marcar para os da casa, mas permitiu a defesa de Yassine Bounou.

O nulo mantém o Sevilha, que ainda não marcou qualquer golo de bola corrida nesta edição da prova, no segundo lugar do Grupo G, com o LOSC a subir a terceiro.

Principal estatística: O Lille não ganha em casa em fases de grupos da Champions League desde um triunfo por 3-1 sobre o AEK Atenas em 2006/07. Desde então, somou seis empates e seis derrotas.

02/11: Sevilha - Lille

Grupo H

Resumo: Chelsea 4-0 Malmö
Resumo: Chelsea 4-0 Malmö

Chelsea 4-0 Malmö

O Chelsea festejou por quatro vezes
O Chelsea festejou por quatro vezesChelsea FC via Getty Images

Andreas Christensen, com um espectacular remate de primeira, Jorginho, com duas grandes penalidades (uma em cada parte) e Kai Havertz, com uma finalização eficaz no seguimento de um contra-ataque, mantiveram os campeões em título na peugada da Juventus. Lesões sofridas por Romelu Lukaku e Timo Werner terão sido os únicos percalços para o Chelsea na recepção a um Malmö que ainda procura o primeiro ponto na prova.

Principal estatística: Christensen marcou o seu primeiro golo oficial na equipa principal pelo Chelsea no seu jogo 137.

02/11: Malmö - Chelsea

Resumo: Zenit 0-1 Juventus
Resumo: Zenit 0-1 Juventus

Zenit 0-1 Juventus

As oportunidades de golo escassearam na Gazprom Arena, com Claudinho a proporcionar uma boa defesa ao guarda-redes da Juve, Wojciech Szczęsny, a abrir a segunda parte e Stanislav Kritsyuk a negar o golo a Weston McKennie na outra área.

Mas, quando o nulo parecia destinado a durar os 90 minutos, Mattia De Sciglio cruzou na perfeição para Dejan Kuluse-ki, que havia saltado do banco pouco antes, manter o registo 100 por cento vitorioso da Juve no Grupo H.

Principal estatística: A Juventus ganhou oito dos nove jogos que disputou frente a clubes russos; a excepção foi um empate -0 no terreno do Zenit na fase de grupos de 2008/09 da Champions League.

02/11: Juventus - Zenit

Descarregue a app da Champions League