O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

Juan Mata e Ander Herrera sobre o jogo entre United e Paris

Antigos companheiros em Old Trafford falaram ao UEFA.com numa vídeo-chamada.

Juan Mata e  Ander Herrera na vídeo-chamada.
Juan Mata e Ander Herrera na vídeo-chamada. UEFA.com

Os antigos companheiros de equipa Juan Mata e Ander Herrera vão voltar a encontrar-se quando o Paris jogar em Old Trafford, na quinta jornada. O UEFA.com juntou-os numa vídeo-chamada com os dois médios a falarem sobre o que aí vem e também sob o passado comum.

Veja a conversa na totalidade aqui

Sobre os dias de glória no United

Resumo da final de 2017: Manchester United 2-0 Ajax
Resumo da final de 2017: Manchester United 2-0 Ajax

Herrera: Os jogos que mais ficaram gravados na minha memória, e acho que o mesmo se aplica a ti, Juan, são os que nos viram erguer troféus, porque isso é sempre o mais importante, em especial no Manchester United. Assim, obviamente, a final [da Europa League em 2017] contra o Ajax na Suécia ...

Mata: A final em que tu foste o Melhor em Campo. Vamos lá, se tu não vais dizer, eu vou dizê-lo! Tu foste o melhor em campo.

Herrera: Não o queria dizer para mostrar um pouco de humildade, mas é isso mesmo, tenho o troféu em casa. Aquele troféu europeu na Suécia foi muito importante para o United e foi o primeiro título [europeu] em muito tempo, desde a vitória em Moscovo, se não me engano, Juan? Desde a vitória na [UEFA] Champions League contra o Chelsea.

Mata: Sim, tens razão.

Juan Mata, David de Gea e Ander Herrera com o troféu da UEFA Europa League
Juan Mata, David de Gea e Ander Herrera com o troféu da UEFA Europa LeagueManchester United via Getty Imag

Sobre a saída de Herrera do United para o Paris

Herrera: Claro que sinto falta dos meus amigos, de todos vocês. De pessoas como o Eric [Bailly], o Marcos [Rojo], o staff do clube. Quando recebíamos visitas de Espanha e nós os três - o David [de Gea], tu e eu - nos juntávamos e conversávamos sobre qualquer coisa para lá do futebol. Sinto falta dos bons momentos que vivemos e obviamente haverá muitos mais para vir.

Herrera e Mata juntos numa viagem num jogo da UEFA Champions League
Herrera e Mata juntos numa viagem num jogo da UEFA Champions LeagueManchester United via Getty Imag

Mata: Morávamos na mesma rua, e sempre que um de nós recebia amigos, ficávamos todos para jantar, ou para ver um jogo do campeonato espanhol juntos, para ver o teu querido Real Zaragoza, eu para ver o [Real] Oviedo.

Mata: A vida em Paris deve ser incrível porque eu realmente adoro essa cidade.

Herrera: Eu adorei realmente o meu primeiro ano aqui. É uma pena que a pandemia tenha acontecido. A pandemia está a afectar tudo, porque eu não posso na realidade aproveitar Paris como gostaria. Felizmente, ainda tenho mais alguns anos de contracto aqui.

Sobre o jogo da primeira jornada em Paris

Resumo: Paris 1-2 Man. United
Resumo: Paris 1-2 Man. United

Mata: A última vez que nos encontrámos foi naquele jogo, no Parc des Princes. Foi um jogo muito bom para nós, mas não tão bom para ti. No final, o golo de Marcus [Rashford] permitiu-nos somar três importantes pontos. Mas, a nível pessoal, vi que fizeste um bom jogo também. Tu fazes sempre o teu trabalho. Mas estivemos bem. Estivemos bem naquele dia, não foi?

Herrera: É verdade que vocês foram a melhor equipa, no geral, mas o David [de Gea] destacou-se nos momentos decisivos do jogo, até porque tivemos duas ou três boas ocasiões, uma delas do [Layvin] Kurzawa na primeira parte. Outra do Ángel [Di María] também na primeira parte. Depois, aquele remate do Kylian [Mbappé], na segunda parte. Sinto-me sempre muito contente quando o David faz tanta defesa, mas naquele dia fiquei chateado.

Mata, Herrera e as respectivas esposas durante a entrega de prémios do United, em 2019
Mata, Herrera e as respectivas esposas durante a entrega de prémios do United, em 2019Manchester United via Getty Imag