Prémio oficial para o Melhor em Campo da UEFA Champions League lançado

As principais estrelas da competição serão reconhecidas a partir dos oitavos-de-final pelos observadores técnicos da UEFA, que incluem Gareth Southgate e Roberto Martínez.

O novo galardão para o Melhor em Campo da UEFA Champions League
O novo galardão para o Melhor em Campo da UEFA Champions League

A UEFA vai passar a entregar um prémio oficial de Melhor em Campo após cada jogo da fase a eliminar da UEFA Champions League para reconhecer os melhores desempenhos dos jogadores na principal competição europeia de clubes.

A partir dos oitavos-de-final, os Observadores Técnicos da UEFA em cada partida da UEFA Champions League decidirão quem merece a distinção para o Melhor em Campo, com um prémio oficial a ser entregue aos jogadores depois do final do encontro, em reconhecimento do seu papel em momentos decisivos, maturidade táctica, criatividade e inspiração, habilidade excepcional e "fair play".

A equipa de Observadores Técnicos da UEFA para os oitavos-de-final é composta por vários ex-jogadores de destaque que brilharam nas competições europeias:

Packie Bonner
Guarda-redes da República da Irlanda; fez mais de 600 jogos pelo Celtic (1978–98).

Cosmin Contra
Ex-jogador do Milan, Atlético e antigo lateral-direito da Roménia; comandou a selecção romena (2017–19).

Aitor Karanka
Antigo defesa-central de Athletic e Real Madrid; mais recentemente é treinador em Inglaterra.

Robbie Keane
Jogador mais internacional (146 jogos) e melhor marcador da República da Irlanda (68 golos).

Roberto Martínez
Actual seleccionador da Bélgica; sucesso em Inglaterra com Swansea, Wigan e Everton.

Ginés Meléndez
Treinador das camadas jovens espanholas altamente conceituado; conduziu a La Roja a vitórias nos Sub-17 e Sub-19.

Phil Neville
Ex-defesa/médio do Manchester United e da Inglaterra; actual seleccionador da equipa feminina de Inglaterra.

Willi Ruttensteiner
Especialista austríaco em treino; actual diretor desportivo da selecção de Israel.

Gareth Southgate
Seleccionador de Inglaterra desde 2016; defesa/médio de Inglaterra de 1995 a 2004.