Porto prepara-se para jogar da forma habitual

Vítor Pereira diz que o Porto vai "manter a identidade" na recepção ao Málaga, ao passo que Manuel Pellegrini quer sair de Portugal com os princípios atacantes intactos.

Porto prepara-se para jogar da forma habitual
Porto prepara-se para jogar da forma habitual ©UEFA.com

Vítor Pereira prevê um "jogo difícil" frente uma equipa com "grande qualidade e excelentes jogadores" na terça-feira, quando o FC Porto receber o Málaga CF na primeira mão dos oitavos-de-final da UEFA Champions League. O treinador português, de 44 anos, também afastou a existência de qualquer nervosismo ao afirmar: "Apenas posso desfrutar destes jogos." O homólogo Manuel Pellegrini acredita que a equipa espanhola está "no mesmo nível" do adversário e prometeu deixar o norte de Portugal com os seus princípios atacantes intactos.

Porto
Vítor Pereira, treinador
Pode esperar-se um grande jogo. Ambas as equipas têm grandes jogadores, ambas são muito organizadas e estou mesmo à espera de um grande espectáculo. É importante ganhar e se possível sem sofrer golos. O objectivo principal é ganhar o jogo. Se o passado jogasse a vitória estaria garantida, mas o presente é que conta. O Málaga está em quarto na Liga espanhola, e na Champions League provou ter qualidade ao ficar à frente do Milan e do Zenit. Vai ser um jogo difícil, com uma dificuldade elevada. Já os observei ao vivo duas vezes e têm excelentes qualidades, sofrem poucos golos. O Málaga tanto pode jogar com bola como no contra-ataque, com transições rápidas, mas não me parece que eles venham cá defender.

Sempre sonhei estar na Champions League, esta é a melhor competição do mundo e tenho que desfrutar destes jogos. Ouvir o hino da Champions que nos deixa a todos encantados, como havia de ficar nervoso? É mais entusiasmo e vontade de participar nestes jogos. O que eu admiro no Málaga é o seu colectivo, não vamos ter preocupações individuais. Vamos tentar anular os seus pontos fortes e jogar como jogamos sempre, igual a nós próprios.

Resultados do fim-de-semana
Sexta-feira: SC Beira-Mar 0-2 Porto (Atsu 34, Jackson Martínez 73)  
Helton; Danilo, Otamendi, Mangala, Alex Sandro; Fernando, Moutinho (Castro 80), Lucho (James Rodríguez 71), Izmailov; Atsu (Maicon 64), Jackson Martínez.

• O Porto lidera o campeonato e aumentou a invencibilidade na Liga para 32 jogos ao bater o Beira-Mar por 2-0. A última derrota aconteceu a 29 de Janeiro de 2012, por 3-1, no reduto do Gil Vicente FC.

Notícias da equipa
Steven Defour está afastado dos relvados desde que sofreu um estiramento numa coxa no treino de 31 de Janeiro, mas Silvestre Varela está recuperado de uma lesão muscular que o impediu de jogar na sexta-feira.

Málaga
Manuel Pellegrini, treinador
Pode acontecer muita coisa em 180 minutos. O Porto é uma boa equipa, mas já provámos na edição desta época que estamos no mesmo nível. Considero que a eliminatória só vai ficar decidida em Málaga. Poucos acreditavam que chegássemos até aqui, mas estes são os jogos que os nossos adeptos devem desfrutar. Quando tudo começou, acreditávamos que poderíamos chegar até aqui e agora vamos defrontar o Porto, uma das melhores equipas em Portugal.

O Júlio Baptista tem jogado um pouco nos últimos desafios, agora vamos ver quantos minutos pode jogar amanhã. Nunca entramos em campo na UEFA Champions League com a intenção de defender. Amanhã devemos ter um grande espectáculo, com duas equipas a jogar ao ataque. Não vou alterar o nosso estilo e eles têm bons jogadores que gostam de atacar, como o Lucho González, o Jackson Martínez e o João Moutinho.

Resultado do finm-de-semana
Sábado: Málaga 1-0 Clube Atlético (Saviola 18)
Willy; Sergio Sánchez, Lugano, Weligton, Antunes; Camacho, Portillo, Piazón (Joaquín 81), Isco, Baptista (Toulalan 59); Saviola (Santa Cruz 59).

• A terceira vitória Málaga em quatro jogos no campeonato, graças ao sétimo golo de Javier Saviola na presente época, permitiu ao clube da Costa do Sol manter o quarto lugar.

Notícias da equipa
O internacional português Eliseu não conseguiu recuperar de uma lesão nos ligamentos de um joelho, sofrida frente ao Real Zaragoza, a 3 de Fevereiro, e vai falhar o jogo desta terça-feira no Estádio do Dragão.

Facto do jogo
Os 37 jogos do Porto com clubes espanhóis resultaram em 12 vitórias, cinco empates e 20 derrotas (sete vitórias, três empates e sete derrotas em casa). O Málaga sofreu apenas uma derrota nos 12 jogos europeus disputados na condição de visitante. Curiosamente, o desaire por 1-0 aconteceu frente ao Boavista FC, vizinho do Porto, na única anterior presença nas competições europeias, numa campanha que começou na Taça Intertoto de 2002 e prosseguiu na Taça UEFA 2002/03.