O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

Ancelotti satisfeito com trabalho "merengue"

Carlo Ancelotti descreveu o esforço do Real como "fundamental", enquanto Josep Guardiola reconheceu que o Bayern vai precisar de "aumentar de nível" na próxima semana.

Ancelotti satisfeito com trabalho "merengue"
Ancelotti satisfeito com trabalho "merengue" ©UEFA.com

Carlo Ancelotti, treinador do Real
Estou feliz com tudo, porque o jogo foi difícil. Jogámos bem, sofrendo em certos períodos, mas jogando bem no ataque. No global, estou satisfeito com a equipa.

No início estivemos um pouco tímidos, perdendo a posse da bola no início das jogadas e recuando muito no terreno. Na segunda parte, o Bayern foi menos eficaz na sua pressão. O trabalho que efectuámos foi fundamental. [Fábio] Coentrão teve a ajuda de Isco em diversas ocasiões e [Ángel] Di María recebeu auxílio de [Daniel] Carvajal. Foi um esforço colectivo.

Com [Gareth] Bale e Cristiano [Ronaldo] a 50 por cento das suas capacidades, não foi fácil. A equipa trabalhou bem. Cristiano fez um esforço para jogar. A segunda mão vai ser muito difícil; temos uma pequena vantagem mas teremos de jogar com a mesma confiança e desejo mostrados hoje. Ninguém sabe o que pode acontecer em Munique.

Josep Guardiola, treinador do Bayern
Hoje estou orgulhoso da minha equipa. Mostrou muita força frente a uma das melhores formações do Mundo. Penso que podemos subir de nível na segunda mão.

Queríamos ter muita posse de bola e efectuar uma transição rápida da defesa para o ataque. Controlámos o jogo, mas o Real estava à espera do contra-ataque e possui jogadores para o interpretar da melhor forma.

Parabéns ao Real pela vitória, mas ainda falta o jogo de Munique, mais 90 minutos, e veremos como corre. Eles são muito físicos e a melhor equipa do Mundo a jogar em contra-ataque. Queríamos ter longos períodos com a bola em nossa posse e tentar atacar pelos flancos. Faltou-nos um golo. Falta outro jogo e vamos tentar vencê-lo diante dos nossos adeptos.

Hoje fizemos tudo o que estava ao nosso alcance. Não podemos ganhar todos os jogos. Defrontámos uma das melhores equipas, e das mais caras, do Mundo. Espero que os nossos adeptos possam dar o apoio de que precisamos na segunda mão. O resultado de hoje não é o ideal, mas ainda podemos melhorar na segunda mão.

Vamos analisar este jogo e depois decidir quais são as melhores opções para o que se segue, para ultrapassar com sucesso este desafio. O meu optimismo continua elevado, inclusive é superior ao que tinha antes deste encontro.

Conteúdos relacionados