Antevisão: Leverkusen - Mónaco

O Leverkusen precisa de um ponto para seguir em frente, após três vitórias seguidas, mas Roger Schmidt diz que não poderá haver complacência frente ao Mónaco.

Treino do Leverkusen na terça-feira
Treino do Leverkusen na terça-feira ©Getty Images

O treinador do Leverkusen, Roger Schmidt, pede à sua equipa para não relaxar
Os "werkself" ganharam todos os jogos no Grupo C desde que perderam na primeira jornada, com o Mónaco
"Que ninguém cometa o erro de pensar que já nos apurámos", afirma Schmidt
O Leverkusen não perde há 13 jogos em casa, desde Março 
Nenhuma equipa marcou menos golos que o Mónaco na fase de grupos: um tento

Contas do apuramento: Leverkusen (9 pontos) - Mónaco (5)
• O Leverkusen garante o triunfo no seu grupose ganhar e apura-se com um empate.
• O Mónaco não se pode qualificar nesta jornada, mesmo que ganhe na Alemanha.

Equipas prováveis
Leverkusen: Leno; Hilbert, Toprak, Spahić, Boenisch; L Bender, Rolfes; Bellarabi, Çalhanoğlu, Son; Kiessling.
Ausentes: Papadopoulos (ombro), Reinartz (face)

Mónaco: Subašić; Fabinho, Carvalho, Raggi, Elderson; João Moutinho, Toulalan, Kondogbia; Ferreira-Carrasco, Berbatov, Dirar.
Ausentes: López (joelho), Kurzawa (perna)

Roger Schmidt, treinador do Leverkusen
Após o jogo no Mónaco estávamos numa situação difícil. O cenário mudou e agora lideramos o grupo. Com um triunfo asseguramos o primeiro lugar. É esse o nosso objectivo e está tudo nas nossas mãos. Tentaremos tudo para realizar um jogo de grande nível, mas será difícil, pois o Mónaco apenas sofreu um golo. Aprendemos com o primeiro jogo, melhorámos e queremos mostrá-lo.

Roger Schmidt quer concentração
Roger Schmidt quer concentração©Getty Images

Queremos vencer porque há uma diferença [olhando depois para o sorteio dos oitavos-de-final] entre acabar em primeiro e em segundo no grupo. Que ninguém cometa o erro de pensar que já nos apurámos. Queremos tornar-nos na primeira equipa a qualificar-se, pelo que o resultado na Rússia não terá influência no nosso jogo.

Vamos jogar como costumamos fazer: ao ataque. Temos estado muito bem na Europa até ao momento. As equipas que nos defrontam não estão habituadas ao nosso estilo, pelo que não teríamos qualquer benefício em jogar de outra forma. Tal pode fazer de novo a diferença. Gosto de ver os nossos jogos. O meu analista [de desempenho] diz que sofremos menos remates à baliza na Champions League. Tal significa que vamos na direcção certa.

Leonardo Jardim, treinador do Mónaco
Temos um plano de jogo que não difere muito dos nossos encontros anteriores. Foi assim que chegámos ao segundo lugar do grupo. Tentaremos minimizar os riscos, em especial quando passarmos da defesa para o ataque. O Leverkusen colocou-nos sob grande pressão na primeira jornada, pelo que teremos de ser eficientes quando tivermos possibilidade de atacar.

O treino do Mónaco em Leverkusen, na terça-feira
O treino do Mónaco em Leverkusen, na terça-feira©Getty Images

Não estamos muito satisfeitos com os nossos resultados na Ligue 1, mas amanhã é a Champions League. Estamos muito motivados em relação a conseguir um bom resultado, que nos coloque em boa posição na luta pelo apuramento. Queremos ter possibilidades na última jornada. Não estou a pensar no outro jogo do grupo.

Resultados do fim-de-semana
Hannover 96 1-3 Leverkusen (Ceyhun Gülselam 60; Kiessling 46, Son 58, Bellarabi 71)
Monaco 2-2 SM Caen (Imorou ag 5, Moutinho 75; Koita 50, Kondogbia og 59)

Guia de forma (todas as competições)
Leverkusen: VEVDEV
Mónaco: EEDEVE

Estatística
• As duas equipas encontraram-se na fase de grupos de 1997/98, registando-se uma vitória para o Mónaco (4-0) e um empate (2-2).