Antevisão: Zenit - Benfica

Zenit e Benfica estão prontos para um jogo potencialmente decisivo na Rússia, com os treinadores André Villas-Boas e Jorge Jesus a não pensarem sequer na derrota.

Treino do Benfica em São Petersburgo
Treino do Benfica em São Petersburgo ©AFP/Getty Images

André Villas-Boas diz que ganhar é crucial para o Zenit "atingir os objectivos"
A equipa russa só venceu três dos últimos sete jogos
O Zenit venceu o Benfica por 2-0 em Lisboa, na primeira jornada
Jorge Jesus reconhece que o Benfica terá de estar "no seu melhor"
O campeão português venceu os últimos quatro jogos

Contas do apuramento: Zenit (4 pontos) - Benfica (4)
• O Zenit é eliminado se perder e o Mónaco ganhar. O Zenit venceu fora o Benfica e, por isso, outra vitória assegura pelo menos um dos três primeiros lugares do grupo.
• O Benfica é eliminado se empatar e o Mónaco vencer (porque o melhor que conseguiria após a sexta jornada seria um empate a três, onde não teria hipótese de terminar num dos dois primeiros lugares). Uma derrota elimina o Benfica das competições europeias se o Mónaco ganhar.

Equipas prováveis
Zenit: Lodygin; Anyukov, Garay, Lombaerts, Criscito; Witsel, Javi García, Rondón, Shatov, Danny; Hulk.
Ausente: Kerzhakov (músculo)
Em dúvida: Smolnikov (tornozelo)

Benfica: Júlio César; Maxi Pereira, Luisão, Jardel, André Almeida; Samaris, Enzo Pérez, Nico Gaitán, Eduardo Salvio; Anderson Talisca, Lima.
Ausente: Eliseu (pé)
Em dúvida: ninguém

André Villas-Boas, treinador do Zenit
A vitória no campeonato [sábado] terá um impacto positivo para nós. O Benfica tem praticado bom futebol nos últimos encontros. O treinador preparou bem a equipa para este jogo, conheço Jorge Jesus, mas creio que este encontro não será muito diferente do da primeira jornada. O objectivo de cada equipa é ganhar o campeonato e nesse aspecto ambas estão bem colocadas neste momento. Os clubes procuram também obter sucesso a nível europeu.

Quando fui convidado para treinar o Zenit, o dono do clube traçou como objectivo construir uma equipa para alcançar grandes feitos - por isso, e para além do objectivo óbvio de conquistar o campeonato, a meta é estar entre as dez melhores equipas da Europa e chegar o mais longe possível na UEFA Champions League. Temos capacidade e as ferramentas necessárias para isso, e é importante para nós vencer este encontro; isso será uma boa evolução para a equipa. Temos de atingir os objectivos a que nos propusemos.

Para o Benfica e para o Zenit este jogo será decisivo, ambas as equipas precisam de pontos e estão apostadas em ganhar. Este será um encontro complicado em que tudo pode acontecer. Faremos todos os possíveis para conseguir os três pontos.

Jorge Jesus, treinador do Benfica
Este jogo é crucial para nós. Temos os mesmos quatro pontos que o Zenit. O Leverkusen está, aparentemente, apurado. Sabemos que o Zenit é um adversário difícil, mas acredito na nossa equipa e numa vitória - a equipa está pronta.

O clima é um pormenor. O jogo é tão importante que outros aspectos são muito mais importantes: criar oportunidades de golo, trabalho de equipa, determinação. Os jogadores têm de estar no seu melhor. O clima não será um factor decisivo neste jogo.

Os jogadores sabem que este é um jogo da UEFA Champions League. É uma honra para cada um disputar esta competição. Sim, eu e o Villas-Boas conhecemo-nos bem - e a forma como cada um gosta que a sua equipa jogue - por isso não conseguiremos criar muitas surpresas, embora tudo possa acontecer.

Resultados do fim-de-semana
Zenit 1-0 FC Kuban Krasnodar (Hulk 37)
Benfica 4-1 Moreirense FC (Jonas 3, 7, Salvio 22, 57; Cardozo 26)

Guia de forma (todas as competições)
Zenit: VDDVDV
Benfica:VVVVDE

Estatística
• Quem venceu quando as duas equipas se encontraram nos oitavos-de-final da edição 2011/2012? Saiba na nossa retrospectiva alargada do jogo