Mbemba dá vitória ao Anderlecht

RSC Anderlecht 2-0 Galatasaray AŞ
Chancel Mbemba marcou no final de cada parte e garantiu ao Anderlecht o terceiro lugar do Grupo D, bem como a presença na UEFA Europa League.

Chancel Mbemba marcou os dois golos do Anderlecht na vitória sobre o Galatasaray
Chancel Mbemba marcou os dois golos do Anderlecht na vitória sobre o Galatasaray ©AFP/Getty Images

Anderlecht sela terceiro lugar no Grupo D com vitória por 2-0 sobre o Galatasaray
Defesa-central Chancel Mbemba marca no final de cada parte
É a segunda vitória caseira dos belgas na competição nos últimos 11 anos
Galatasaray termina no último lugar no grupo
Próximos jogos: Dortmund - Anderlecht, Galatasaray - Arsenal (9 de Dezembro)

O RSC Anderlecht bateu o Galatasaray AŞ por 2-0, e apesar de o triunfo se ter revelado insuficiente para continuar em prova, permitiu a passagem para a UEFA Europa League.

Com o Arsenal FC a bater o Borussia Dortmund na outra partida do Grupo D, à equipa belga restava-lhe o terceiro lugar como o máximo a que podia aspirar, mas apesar do desfecho final, os anfitriões lutaram pelo apuramento para os oitavos-de-final desde o início. Chancel Mbemba consumou a pressão perto do intervalo, com um golo de cabeça, e bisou a quatro minutos do fim. Os tentos do defesa-central permitiram a segunda vitória em casa do Anderlecht, na competição, desde 2002.

Conscientes de que este jogo era o mais importante da época, o conjunto da casa protagonizou um início de partida dinâmico, estimulado por uma assistência ruidosa. Os adeptos quase festejaram um golo madrugador, mas Aleksandar Mitrović cabeceou por cima um passe diagonal de Dennis Praet, antes de fracassar na emenda depois de Frank Acheampong o ter assistido em zona frontal à baliza.

Apesar do deslize, os sinais iniciais eram encorajadores, tirando algum nervosismo na retaguarda quando o Galatasaray partia em contra-ataque. Wesley Sneijder deu o seu melhor para servir o ataque dos visitantes, e foi dele um livre directo que passou ligeiramente ao lado. No entanto, foi o Anderlecht quem esteve mais perto de marcar.

De livre directo, Youri Tielemans testou Fernando Muslera e a pressão aumentou quando Steven Defour atirou em arco ao poste – após o que a bola percorreu a linha de golo,  sem que alguém desse o toque decisivo. O Galatasaray mantinha a resistência, mas esta foi quebrada a um minuto do intervalo, quando Mbemba abriu o marcador após Mitrović desviar para a sua direcção uma bola cruzada por Ibrahima Conté.

Os "cimbom" precisavam de melhorar por forma a evitar a derrota, tendo protagonizado um brilhante começo do segundo período, com Silvio Proto em evidência. Primeiro, defendeu um livre de Selçuk İnan, e mais tarde negou o golo a Burak Yılmaz com as pernas, antes de se estirar para a esquerda e deter o remate de Hamit Altıntop.

O Anderlecht não estava disposta a ser dominado, e por isso Praet testou a atenção de Muslera com um remate rasteiro, enquanto Mitrović talvez devesse ter feito melhor numa cabeçada que saiu à figura do guardião uruguaio. Burak quase puniu esse desperdício quando acorreu a um passe em balão e atirou com estrondo à barra, numa tentativa acrobática, mas o segundo cartão amarelo para Selçuk İnan e o bis de Mbemba ajudaram o clube de Bruxelas a consumar uma vitória preciosa.