Equipa do Ano 2019 dos adeptos do UEFA.com revelada

A Equipa do Ano 2019 dos adeptos do UEFA.com inclui sete estreantes.

Equipa do Ano 2019 dos adeptos do UEFA.com revelada
Equipa do Ano 2019 dos adeptos do UEFA.com revelada ©UEFA.com

Com mais de dois milhões de votos contabilizados ao longo de seis semanas, a Equipa do Ano 2019 dos adeptos do UEFA.com pode agora ser revelada.

EQUIPA DO ANO 2019

Todos os utilizadores que submeteram uma equipa entrarão num sorteio para ganhar uma viagem VIP ao sorteio dos quartos-de-final, na sede da UEFA, além de bilhetes para um dos jogos dessa fase.

Alisson Becker (Liverpool)

Guarda-redes da Época: Alisson Becker
Guarda-redes da Época: Alisson Becker

Presenças anteriores: estreia

2019
Competições de clubes da UEFA: 11 jogos (5 sem sofrer golos)
Mundial de Clubes: 2 (1)
Nacional: 30 (13)
Brasil: 10 (7)
Total: 53 (26)

  • Vencedor da UEFA Champions League no seu primeiro ano em Anfield, o brasileiro foi eleito Guarda-redes da Época 2019/20 na UEFA Champions League e não sofreu qualquer golo em 21 partidas, tendo ajudado os "reds" a terminarem a Premier League no segundo lugar.

Trent Alexander-Arnold (Liverpool)

Presenças anteriores: estreia

2019
Competições de clubes da UEFA: 12 jogos (5 sem sofrer golos)
Mundial de Clubes: 2 (1)
Nacional: 34 (14)
Inglaterra: 4 (3)
Total: 52 (23)

  • O mais jovem jogador a ser titular em duas finais seguidas da Champions League, o lateral do Liverpool foi escolhido para a Equipa da Época 2018/19 e, a nível nacional, estabeleceu um novo recorde na Premier League para mais assistências de um defesa numa época (12).
Os dois centrais da Holanda integram a equipa
Os dois centrais da Holanda integram a equipa©Getty Images

Matthijs de Ligt (Ajax/Juventus)

Presenças anteriores: estreia

2019
Competições de clubes da UEFA: 10 jogos (3 sem sofrer golos)
Nacional: 33 (10)
Holanda: 10 (4)
Total: 53 (17)

  • Estrela na defesa da equipa do Ajax que conquistou a "dobradinha" na Holanda e que atingiu as meias-finais da Champions League, De Ligt marcou um golo decisivo nos quartos-de-final contra a Juventus, cimentando dessa forma o seu lugar na Equipa da Época 2018/19.

Virgil van Dijk (Liverpool)

Presenças anteriores: 2

2019
Competições de clubes da UEFA: 13 jogos (4 sem sofrer golos)
Mundial de Clubes: 1 (1)
Nacional: 38 (15)
Holanda: 9 (3)
Total: 61 (23)

  • Jogador do Ano da UEFA e Defesa do Ano da Champions League, foi eleito o Melhor em Campo na final, terminando posteriormente no segundo lugar nas eleições do Melhor Jogador da FIFA e da Bola de Ouro.

Andy Robertson (Liverpool)

Os dois laterais do Liverpool fazem parte dos eleitos
Os dois laterais do Liverpool fazem parte dos eleitos©Getty Images

Presenças anteriores: estreia

2019
Competições de clubes da UEFA: 13 jogos (4 sem sofrer golos)
Mundial de Clubes: 2 (1)
Nacional: 38 (15)
Escócia: 6 (2)
Total: 59 (22)

  • Robertson foi eleito para a Equipa da Época 2018/19, tendo feito 13 assistências em todas as competições na temporada passada e marcado o seu primeiro golo na Champions League em Outubro.

Frenkie de Jong (Ajax/Barcelona)

Presenças anteriores: estreia

2019
Competições de clubes da UEFA: 12 jogos (nenhum golo)
Nacional: 37 (1)
Holanda: 10 (1)
Total: 59 (2)

  • Eleito Médio do Ano da Champions League, conquistou a "dobradinha" na Holanda e foi distinguido como o Jogador da Época da Eredivisie antes de trocar o Ajax pelo Barcelona.
Kevin De Bruyne teve um bom ano no clube e na selecção
Kevin De Bruyne teve um bom ano no clube e na selecção©Getty Images

Kevin De Bruyne (Manchester City)

Presenças anteriores: 2

2019
Competições de clubes da UEFA: 7 jogos (nenhum golo)
Nacional: 40 (11)
Bélgica: 6 (4)
Total: 53 (15)

  • Também presente na Equipa da Época da Champions League 2018/19, o médio conquistou a tripla de troféus nacionais com o Manchester City e inspirou a Bélgica a tornar-se na primeira selecção apurada para o UEFA EURO 2020.

Lionel Messi (Barcelona)

Presenças anteriores: 11

2019
Competições de clubes da UEFA: 11 jogos (8 golos)
Nacional: 37 (37)
Argentina: 10 (5)
Total: 58 (50)

  • Avançado da Época da Champions League 2018/19, foi igualmente o melhor marcador com 12 golos e o primeiro a marcar em 15 campanhas consecutivas na prova; Messi chegou à meia centena de golos pela nona vez nos últimos dez anos.
Lionel Messi e Cristiano Ronaldo estão presentes mais uma vez
Lionel Messi e Cristiano Ronaldo estão presentes mais uma vez©Getty Images

Cristiano Ronaldo (Juventus)

Presenças anteriores: 14

2019
Competições de clubes da UEFA: 10 jogos (7 golos)
Nacional: 30 (18)
Portugal: 10 (14)
Total: 50 (39)

  • Mais um ano brilhante para Ronaldo, que conquistou pela primeira vez a Serie A e a UEFA Nations League, adicionando mais dois títulos ao seu já de si fantástico currículo. Apesar de já ter 34 anos, continua a ser preponderante na Juventus e na selecção de Portugal.

Robert Lewandowski (Bayern)

Presenças anteriores: estreia

2019
Competições de clubes da UEFA: 7 jogos (10 golos)
Nacional: 41 (38)
Polónia: 10 (6)
Total: 58 (54)

  • O segundo melhor marcador na Champions League 2018/19 acabou no topo dos goleadores na Bundesliga (22) e na Taça da Alemanha (7) – ambas conquistadas pelo Bayern –, antes de se tornar no primeiro jogador a fazer golos nos primeiros 11 jogos de uma edição da Bundesliga. Foi igualmente o melhor marcar da fase de grupos desta época da Champions League, com dez tentos. 

Sadio Mané (Liverpool)

Sadio Mané com o troféu da Champions League
Sadio Mané com o troféu da Champions League©Getty Images

Presenças anteriores: estreia

2019
Competições de clubes da UEFA: 14 jogos (7 golos)
Mundial de Clubes: 2 (0)
Nacional: 36 (24)
Senegal: 11 (4)
Total: 63 (35)

  • Membro da Equipa da Época da Champions League 2018/19, Mané acabou também na co-liderança dos melhores marcadores da Premier League, tendo desde então atingido os 100 jogos e os 50 golos no campeonato com a camisola do Liverpool. Foi eleito Jogador Africano do Ano em 2019.