O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

Sergio Agüero anuncia retirada: tributo a um grande avançado

Aos 33 anos, Sergio Agüero anunciou o fim da carreira, ocasião para o UEFA.com dar o crédito merecido a um dos recentes melhores avançados.

Veja alguns dos mais memoráveis golos apontados pelo argentino na Champions League.
Grandes golos de Sergio Agüero

O avançado Sergio Agüero, melhor marcador na história do Manchester City, anunciou o fim da carreira de futebolista após descobrir um problema cardíaco ao serviço do Barcelona.

O UEFA.com presta o merecido tributo a "Kun".

O que dizem dele

"Quando cheguei ao Independiente disseram-me que havia um fenómeno na academia. Da primeira vez que treinou com a equipa principal, deu espectáculo. Isso convenceu-nos imediatamente."
Oscar Ruggeri, antigo treinador do Independiente

"Ele foi um dos motivos pelos quais assinei pelo Atlético Madrid. Quando o vi jogar pela primeira vez, era um rapaz que se destacava entre homens. Uma vez marcou num derby e eu saltei de espanto no sofá."
Diego Forlán, antigo colega no Atlético

"Ele é uma lenda, faz parte da história do clube. Os números de Agüero falam por si – ele é extraordinário."
Josep Guardiola, treinador do Manchester City

Sergio Agüero: todos os seus golos na Champions League pelo Man. City
Sergio Agüero: todos os seus golos na Champions League pelo Man. City

Registo da carreira

Selecção: 101 jogos, 41 golos
Competições de clubes da UEFA: 109 jogos, 63 golos
Competições nacionais: 518 jogos, 297 golos

Curiosidades

Atlético
• Agüero teve um registo notável em recepções ao Barcelona, bisando em duas vitórias dos "colchoneros".

• Ganhou a UEFA Europa League em 2009/10, tendo marcado dois importantes golos fora nos quartos-de-final, quando o Atlético eliminou o Sporting.

O "cinco" de sonho de Agüero
O "cinco" de sonho de Agüero

Manchester City

"Agüerooooooooo! Juro que nunca verão algo assim novamente!", disse o comentador Martin Tyler quando, aos 93 minutos, o nº10 do Manchester City marcou, frente ao Queens Park Rangers, em Maio de 2012, o golo que valeu a conquista do primeiro campeonato dos Cityzens desde 1968.

• Os dois "hat-tricks" de Agüero na UEFA Champions League, da fase de grupos até à final, aconteceram com a camisola do City. A sua equipa perdia por 2-1 em casa diante do Bayern, em Novembro de 2014, quando o internacional argentino marcou por duas vezes nos derradeiros cinco minutos e elevou a contagem para três tentos no jogo. O City confirmou depois o apuramento à fase a eliminar ao bater fora a Roma na sexta jornada.

• Agüero sagrou-se melhor marcador da temporada 2014/15 da Premier League com 26 golos.

• Tornou-se no quinto jogador a apontar cinco golos num só jogo da Premier League num triunfo caseiro sobre o Newcastle United em Outubro de 2015. Apontou os seus golos no espaço de 21 minutos, num jogo em que o City esteve a perder por 1-0 mas acabou por vencer por 6-1.

• Tornou-se no 16º jogador a atingir os 50 golos nas provas de clubes da UEFA ao marcar pelo City na jornada inaugural da fase de grupos da UEFA Champions League 2017/18.

• O segundo golo no "hat-trick" que assinou poucos dias depois, na vitória por 6-0 em casa do Watford para a Premier League, foi o seu 200º na primeira divisão desde que chegou à Europa.

• Marcou o 178º golo pelo City contra o Nápoles a 1 Novembro de 2017 e bateu o recorde de Eric Brook com 78 anos.

• O argentino ultrapassou Thierry Henry (175) e Frank Lampard (177) na lista de melhores marcadores de sempre da Premier League em 2020. Despediu-se do City com 184 golos na Premier League, atrás de Andy Cole (187), Wayne Rooney (208) e Alan Shearer (260) na lista de goleadores da competição. No entanto, superioriza-se a todos no que toca a golos por um só clube.

• O seu último jogo pelo City foi na final da UEFA Champions League, perdida por 1-0 frente ao Chelsea, na qual disputou os últimos 13 minutos.

Barcelona

Agüero festeja o único golo marcado pelo Barcelona
Agüero festeja o único golo marcado pelo BarcelonaGetty Images

• O avançado ingressou no Barcelona a 31 de Maio de 2021, mas não chegou a jogar com Lionel Messi, seu companheiro de equipa na Argentina, que entretanto se mudou para Paris. Disputou cinco jogos pelo novo clube (quatro na Liga espanhola e um na UEFA Champions League) e marcou frente ao Real Madrid, a 17 de Outubro. Ficou afastado dos relvados na sequência de um problema cardíaco detectado durante o jogo com o Alavés, a 31 de Outubro.

O que talvez não saiba

• A sua alcunha de "Kun", que estava estampada nas costas da camisola do Manchester City, foi dada pelos avós, devido às semelhanças com Kum Kum, personagem de um desenho animado japonês que o avançado gostava muito.

• Agüero venceu o Mundial Sub-20 da FIFA em 2005 e 2007. Recebeu a Bola de Ouro e a Bota de Ouro no último desses torneios, no Canadá, ao marcar seis golos em sete jogos.

• Apenas Messi (80) e Gabrial Batistuta (54) apontaram mais golos pela Argentina do que Agüero (41).

• Não é apreciador de tempo quente e gostava do tempo chuvoso em Manchester, pois ajuda-o a adormecer.

• Messi escreveu o prefácio de "Sergio Kun Aguero: Born to Rise: My Story", publicado em 2014. Agüero foi companheiro de quarto de Messi na seleção nacional.

Discurso directo

©Getty Images for UEFA

• "A minha alcunha é diferente em comparação com a maioria dos atletas, por isso aprendi a apreciá-la porque é única. Não é todos os dias que um atleta recebe o nome de uma personagem de desenho animado!"

"Gosto de truques, de maravilhar. Vivo para driblar e deixar o adversário para trás. Se conseguir o que ambiciono, então vou marcar uma era diferente na modalidade. Sou o Che Guevara do futebol moderno."

"[A última jornada de 2011/12] foi uma situação louca, pois sabíamos o que era preciso fazer. Era uma oportunidade que não podíamos desperdiçar, mas senti que perderia a vontade de jogar se não fôssemos campeões."