O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

Análise estatística: Real Madrid e Ronaldo quebram recordes

Real Madrid e Cristiano Ronaldo bateram recordes, Zinédine Zidane juntou-se a treinadores emblemáticos e a Espanha reforçou o domínio na competição: analisamos as estatísticas.

Cristiano Ronaldo é erguido no ar pelos colegas
Cristiano Ronaldo é erguido no ar pelos colegas ©UEFA.com

Todas as estatísticas referem-se apenas à UEFA Champions League (e não à Taça dos Clubes Campeões Europeus), salvo indicação em contrário

Read Madrid: na frente dos "rankings"

  • O Real Madrid é a primeira equipa a revalidar o título da UEFA Champions League. O AC Milan (1989, 1990) foi o último clube a ganhar a Taça dos Campeões Europeus em épocas consecutivas.
  • O Real Madrid manteve a taxa de sucesso de 100 por cento em finais da UEFA Champions League, com seis vitórias em seis. O AC Milan é o outro clube com quatro presenças em finais, tendo perdido três delas.
  • Antes desta época, as cinco vitórias anteriores do Real Madrid tinham acontecido em anos pares.
Resumo: Juventus 1-4 Real Madrid
  • O Real Madrid é o clube mais bem sucedido na UEFA Champions League, com dois títulos de vantagem sobre o Barcelona (seis contra quatro). O Barça disputou cinco finais, com o único desaire a acontecer na primeira (1994, frente ao AC Milan).
  • Para além do Real Madrid, os únicos clubes com um registo perfeito em finais da UEFA Champions League são Marselha, Porto e Inter, fruto de uma única participação.
  • O primeiro golo de Ronaldo em Cardiff foi o 500º do Real Madrid na UEFA Champions League, sendo o primeiro clube a atingir essa marca. Barcelona (459) e Bayern (415) são os próximos na lista.
  • Este é o 12º título europeu do Real Madrid, o que significa que agora tem tantos troféus quanto as duas equipas seguintes juntas! O AC Milan possui sete, com Bayern, Barcelona e Liverpool a terem cinco cada.
  • O Real Madrid estabeleceu novo máximo para uma equipa vencedora da UEFA Champions League ao não sofrer golos apenas num jogo durante toda a temporada (em casa frente ao Atlético na primeira mão das meias-finais). O número mais baixo anterior, pertencente ao Manchester United, em 1998/99, era de dois em 11 jogos).

Ronaldo: mais recordes quebrados

  • Cristiano Ronaldo é o primeiro jogador a marcar em três finais da UEFA Champions League, ultrapassando Sergio Ramos (único defesa a marcar em duas finais), Raúl González, Samuel Eto'o e Lionel Messi.
Ronaldo: Glória de Cardiff culmina ano espectacular
  • Ronaldo é apenas o sexto jogador a bisar numa final, juntando-se a Daniele Massaro (AC Milan, 1994), Karl-Heinz Riedle (Borussia Dortmund, 1997), Hernán Crespo (Milan, 2005), Filippo Inzaghi (Milan, 2007) e Diego Milito (Inter, 2010). Nenhum jogador conseguiu apontar um "hat-trick" numa final da UEFA Champions League.
  • Ronaldo juntou-se a Andrés Iniesta e Clarence Seedorf como um de apenas três jogadores a vencerem quatro vezes a final da UEFA Champions League.
  • Ronaldo terminou como melhor marcador da UEFA Champions League pela quinta época consecutiva, com o bis da noite passada a servir para somar 12 golos e ultrapassar Lionel Messi nesta edição. Na fase de grupos tinha facturado apenas duas vezes.

ZZ: Registo de luxo

  • Zinédine Zidane é o primeiro homem a ganhar a ter ganho a UEFA Champions League como jogador e depois a fazê-lo duas vezes como treinador. Frank Rijkaard conseguiu apenas uma. É o primeiro a ter marcado numa final da UEFA Champions League e depois a vencer como jogador.
Zidane desfruta de um momento só para si
Zidane desfruta de um momento só para si©AFP/Getty Images
  • Zidane é apenas o segundo homem a conquistar a Taça dos Campeões Europeus nas suas duas primeiras épocas como treinador principal, igualando José Villalonga, que ganhou os dois primeiros títulos europeus do Real Madrid.

Geral: Espanha domina

  • Esta foi a segunda vitória por 4-1 numa final da UEFA Champions League. Um empate a um golo e uma vitória por 2-1 são os resultados mais comuns (cinco cada).
  • A Espanha tem agora dez títulos na UEFA Champions League, o dobro da Itália, segunda classificada da lista. No total da Taça dos Campeões Europeus, a Espanha tem 17 títulos, enquanto Itália e Inglaterra possuem cinco cada.
  • Este é o quarto sucesso seguido da Espanha. Nunca um país conseguiu dois seguidos.
  • Esta foi a quinta derrota da Juventus na final, um recorde. De facto, o seu único triunfo aconteceu no desempate por penalties, frente ao Ajax, em 1996.