"Hat-trick" não satisfaz Agüero

Sergio Agüero apontou o seu segundo "hat-trick" da época na UEFA Champions League, mas disse ao UEFA.com: "Não fiquei muito satisfeito com a minha primeira parte, perdi muitas bolas; na segunda melhorei".

Sergio Agüero é felicitado pelos colegas depois de apontar o segundo golo do Manchester City
Sergio Agüero é felicitado pelos colegas depois de apontar o segundo golo do Manchester City ©Getty Images

Foi uma noite que lhe trouxe o seu segundo "hat-trick" de uma temporada que ainda só tem um mês mas, ainda assim, Sergio Agüero não aparentava ser um homem inteiramente satisfeito no final do triunfo por 4-0 do Manchester City sobre o Borussia Mönchengladbach.

Ausente da vitória no derby de Manchester do passado fim-de-semana devido a castigo, Agüero avaliou desta forma uma exibição que lhe permitiu chegar já aos nove golos no conjunto de todas as provas esta época: "Quando se fica de fora de algum jogo perde-se ritmo, por isso estou feliz por ter continuado a marcar, ainda que na primeira parte não estivesse totalmente satisfeito, porque perdi muitas bolas. Mas na segunda estive um pouco melhor."

Veja o 'hat-trick' de Agüero na vitória do City
Veja o 'hat-trick' de Agüero na vitória do City

A palavras de Agüero mostram bem o ambiente que se vive no City esta temporada. Uma equipa acusada de, em determinados momentos da última época, jogar com pouca intensidade, está agora a actuar com enorme ímpeto e concentração sob as ordens de um treinador que busca incessantemente a perfeição, Pep Guardiola.

Agüero tem sido quem mais golos tem marcado, mas salientou: "Pep exige muito de todos e eu não sou excepção. Tenho de ajudar na marcação, tenho de ajudar na construção ofensiva e em tudo o resto - tenho de defender e atacar."

E os resultados estão à vista, com o City a somar a sétima vitória consecutiva desde a chegada de Guardiola. "É muito importante vencer em casa. Precisávamos destes três pontos para viajarmos mais confortavelmente ao terreno do Celtic, mas temos de continuar neste caminho. A Champions League não é uma competição fácil, mas o nosso objectivo é chegarmos, pelo menos, até onde chegámos na época passada [as meias-finais]. Se tudo corre bem vamos melhorar ainda mais. Temos grandes jogadores, somos uma grande equipa e acredito que seremos capazes."