Mönchengladbach pronto para enfeitiçar Juventus

Não é todos os dias que Harry Potter é mencionado numa conferência de imprensa, mas foi isso que aconteceu a propósito do impacto causado por André Schubert no Mönchengladbach.

André Schubert pratica levitação esta segunda-feira ...
André Schubert pratica levitação esta segunda-feira ... ©AFP/Getty Images

Equipas prováveis
Mönchengladbach: Sommer; Nordveit, Christensen, Domínguez, Wendt; Xhaka, Dahoud, T Hazard, Johnson; Raffael, Stindl.
Ausentes: Hahn (canela), Hermann (joelho), N Schulz (joelho), Stranzl (lesão ocular), Jantschke (ombro)
Em dúvida: Korb (coxa)

Juventus: Buffon; Barzagli, Bonucci, Chiellini, Evra; Sturaro, Marchisio, Pogba; Cuadrado, Mandžukić, Morata.
Ausentes: Pereyra (coxa), Khedira (coxa)

André Schubert, treinador do Mönchengladbach
Será que sou um feiticeiro como Harry Potter? Não tenho uma cicatriz na testa. Não tenho uma varinha mágica nem feitiços mágicos. Trabalhamos arduamente todos os dias e felizmente temos alguns mágicos como Ibra [Traoré] em campo.

Ibrahima Traoré: jogador e feiticeiro
Ibrahima Traoré: jogador e feiticeiro©AFP/Getty Images

A Juventus é uma equipa muito boa que tem tido bastante sucesso nos últimos anos. Mas isso não tem nada a ver com a actualidade. Nós também temos qualidade e queremos causar problemas. Temos um plano para lidar com a flexibilidade táctica da Juve: amanhã veremos se é um bom plano.

Todos os jogadores começaram a praticar bom futebol porque voltaram a desfrutar do que fazem. Ser profissional pode dar trabalho caso não se goste do que se faz. Claro que existem períodos difíceis, mas a minha equipa está a realizar um óptimo trabalho, por um lado tentando divertir-se e por outro implementando o nosso plano de jogo.

Allegri:
Allegri:©AFP/Getty Images

Massimiliano Allegri, treinador da Juventus
O Gladbach atravessa um bom momento, com seis vitórias consecutivas no campeonato, enquanto nós ainda não conseguimos duas seguidas esta época. Na temporada anterior as coisas correram-nos bem, mas agora precisamos de ir passo-a-passo, já que ainda nem ultrapassámos a fase de grupos. Talvez as coisas parecessem mais fáceis no ano passado, mas substituir dez jogadores nõ é fácil – isso não se consegue num dia. Os jogadores velhos e os novos precisam de se acostumar uns aos outros. Mas estou optimista, pois temos quando todo o plantel disponível novamente.

A Champions League é o nível mais elevado no futebol. No campeonato, há sempre a hipótese de se corrigir uma má fase, mas na Champions League cada jogo é como uma final.

Resultados do fim-de-semana
Hertha 1-4 Mönchengladbach (Baumjohann 82pen; Wendt 26, Raffael 28, Xhaka 54pen, Nordtveit 90+1)
O Mönchengladbach ascendeu ao quinto lugar, à medida que prossegue a sua notável recuperação na Bundesliga sob o comando do treinador-interino André Schubert. Os golos de Oscar Wendt, Raffael e Granit Xhaka, este último de grande penalidade, construíram uma vantagem de 3-0, antes de Alexander Baumjohann reduzir a diferença. Håvard Nordtveit fez o quarto e último da partida.

Juan Cuadrado festeja o golo que decidiu o derby
Juan Cuadrado festeja o golo que decidiu o derby©AFP/Getty Images

Juventus 2-1 Torino (Pogba 19, Cuadrado 90+3; Bovo 51)
Os "bianconeri" levaram a melhor no derby de Turim, graças ao tento tardio de Juan Cuadrado. O empate parecia o desfecho mais provável, após o golo inaugural, marcado por Paul Pogba, ter sido cancelado pelo remate certeiro de Cesare Bovo. No entanto, o extremo colombiano concluiu um cruzamento rasteio em tempo de compensação, permitindo à Juve subir ao décimo posto.

Guia de forma (todas as competições, mais recente entre parênteses)
Mönchengladbach: VVVEVV
Juventus: VDVEEV

Opinião do repórter: Matthew Howarth (@UEFAcomMattH)
Este é um jogo de tudo ou nada para o Mönchengladbach se ainda tiver sérias esperanças de atingir a fase a eliminar da prova. No entanto, parte para este jogo em óptima forma, e pode acreditar num triunfo sobre o finalista vencido da época passada, que esta temporada não tem exibido a mesma qualidade.

Sabia que?
O Mönchengladbach eliminou a Juventus na segunda eliminatória da Taça dos Clubes Campeões de 1975/76.  

Conheça melhor o Mönchengladbach
Conheça melhor o Mönchengladbach