Estatísticas da terceira jornada da Champions League

O UEFA.com analisa os números desta semana e destaca o Zenit, única equipa só com vitória, Mircea Lucescu, que atingiu um marco histórico, e o invulgar resultado do Real.

Estatísticas da terceira jornada da Champions League
Estatísticas da terceira jornada da Champions League ©AFP/Getty Images

• O Zenit, de André Villas-Boas, é a única equipa que venceu os três primeiros jogos na edição deste ano. É a primeira vez que os campeões russos conseguem tal façanha em seis presenças na UEFA Champions League. Na verdade, nunca tinham vencido os dois primeiros jogos.

• O golo de Hulk no triunfo do Zenit, por 3-1, na recepção ao Lyon foi o 6900º na UEFA Champions League. O brasileiro marcou pela terceira vez esta época e conta com um total de 16 na prova.

• Mircea Lucescu orientou uma equipa pela 100ª vez na UEFA Champions League, da fase de grupos até à final, mas o Shakhtar Donetsk não evitou uma derrota por 1-0 em Malmö. O romeno é apenas o quinto treinador a atingir a centena de jogos, depois de Alex Ferguson (190), Arsène Wenger (165), Carlo Ancelotti (142) e José Mourinho (124).

• A derrota do Shakhtar na Suécia significa que o clube ucraniano perdeu os três primeiros jogos na fase de grupos. A única vez que tal aconteceu em dez campanhas na fase de grupos da UEFA Champions League foi na época de estreia, em 2000/01, quando foi batido por Lázio, Arsenal e Sparta Praha.

• O empate sem golos do Real Madrid no reduto do Paris Saint-Germain foi o primeiro nulo dos espanhóis em 47 jogos na fase de grupos, desde a igualdade no reduto do Olympiacos na quarta jornada da época de 2007/08.

• A derrota do Bayern München, por 2-0, no terreno do Arsenal foi a 48ª na prova, o mesmo número dos londrinos. O Porto com 51, é o clube com mais derrotas na UEFA Champions League.

• Theo Walcott e Per Mertesacker, do Arsenal, assinalaram o 50º jogo na UEFA Champions League com a vitória sobre o Bayern.

• O empate a quatro golos entre Bayer Leverkusen e Roma igualou a igualdade com mais golos na história da prova. O primeiro 4-4 na UEFA Champions League também foi entre equipas alemãs e italianas, com o Hamburgo a empatar na recepção à Juventus em Setembro de 2000. O outro empate a quatro tentos foi entre os ingleses do Chelsea e do Liverpool, em Stamford Bridge, na segunda mão dos quartos-de-final de 2008/09.

• O triunfo do Galatasaray, por 2-1, na recepção ao Benfica terminou com a série de dez jogos sem ganhar na prova do clube turco. O triunfo anterior tinha surgido na sexta jornada da época 2013/14, quando venceram a Juventus por 1-0 em Istambul – num jogo que tinha sido adiado devido à neve – e que permitiu a passagem aos oitavos-de-final à custa do clube de Turim. 

100 jogos: As maiores vitórias de Lucescu
100 jogos: As maiores vitórias de Lucescu

• Com apenas 18 anos e 221 dias de idade, Rúben Neves tornou-se no capitão mais jovem de sempre na UEFA Champions League e levou o Porto a um triunfo por 2-0 na recepção ao Maccabi Tel-Aviv. O recordista anterior era Rafael van der Vaart, que capitaneou o Ajax na deslocação ao reduto do Milan a 16 de Setembro de 2003, com 20 anos e 217 dias. Igor Akinfeev tinha apenas mais dez dias quando envergou a braçadeira pelo CSKA Moskva frente ao Porto, na capital russa, a 21 de Novembro de 2006.

• Enquanto isso, Iker Casillas, o jogador com mais encontros disputados na UEFA Champions League, ultrapassou Edwin van der Sar como o guarda-redes com mais jogos sem sofrer golos, atingindo os 51 no triunfo do Porto sobre o Maccabi Tel-Aviv por 2-0.