Zenit perfeito, Porto vence e Arsenal bate Bayern

O Zenit manteve o seu registo perfeito, enquanto Barcelona e Porto reforçaram a respectiva liderança, numa noite em que o Arsenal bateu o Bayern, Rúben Neves fez história e se igualou um recorde em Leverkusen.

Terceira jornada: Jogos de terça-feira ©AFP/Getty Images
  • Zenit mantém o registo perfeito no Grupo H ao derrotar o Lyon, numa noite em que o Valência também vence
  • Barcelona lidera no Grupo E ao derrotar fora o BATE, enquanto Roma empata empata a qutro golos em Leverkusen
  • Arsenal termina com o começo perfeito do Bayern ao ganhar por 2-0, liderando o Grupo F com os mesmos pontos do Olympiacos
  • Porto, com o capitão mais novo de sempre da história da prova, derrota o Maccabi, enquanto Dínamo e Chelsea empatam
  • Vote no Jogador da Semana a partir das 8h00 (hora de Portugal Continental) de quinta-feira
  • Grupos E a H regressam a 4 de Novembro, Grupos A a D jogam-se na quarta-feira

Siga as ligações para ver resumos em vídeo (a partir das 23h00 de terça-feira até às 23h00 de quarta-feira), crónicas e reacções.

Grupo E
BATE Borisov 0-2 Barcelona
Dois golos de Ivan Rakitić na segunda parte deram ao Barcelona uma vantagem de três pontos no grupo, enquanto o BATE ainda é terceiro, por culpa do empate da Roma

Bayer Leverkusen 4-4 Roma
Foi igualado o recorde do empate com mais golos na história da UEFA Champions League, num encontro em que as duas equipas perderam vantagens de dois golos. Javier Hernández fez o 2-0 para o Leverkusen no minuto 19, mas Daniele De Rossi, no seu 501º jogo pela Roma, empatou antes do intervalo. Miralem Pjanić e Iago Falqué pareciam ter dado a vitória aos visitantes, mas, nos últimos sete minutos, Kevin Kampl e Admir Mehmedi tiveram outros planos e o Leverkusen continua assim em segundo.

©AFP/Getty Images

Grupo F
Arsenal 2-0 Bayern München
O começo perfeito do Bayern terminou, num jogo marcado por uma fantástica defesa de Manuel Neuer a remate de Theo Walcott, na primeira parte. Nos últimos 14 minutos, o recém-entrado Olivier Giroud e Mesut Özil, já nos descontos, deram a vitória ao Arsenal.

Dinamo Zagreb 0-1 Olympiacos
O Olympiacos lidera com os mesmos seis pontos que o Bayern e mais três que Dínamo e Arsenal, depois de um golo de Ideye Brown, a 11 minutos do final – resultado que deu ao campeão grego, que perdeu os três jogos fora na época passada, o segundo triunfo no grupo como visitante.

Grupo G
Porto 2-0 Maccabi Tel-Aviv
O Porto foi capitaneado por Rúben Neves, de 18 anos, que se tornou no capitão mais novo de sempre na UEFA Champions League, e a sua equipa levou a melhor com golos de Vincent Aboubakar e Yacine Brahimi perot do intervalo.

©AFP/Getty Images

Dynamo Kyiv 0-0 Chelsea
O Dínamo está a dois pontos do Porto, mas continua com mais um que o Chelsea, depois de um jogo em que em duas equipas dispuseram de ocasiões mas que não aproveitaram.

Grupo H
Zenit 3-1 Lyon
O Zenit vai em três vitórias em três jogos, depois de nunca ter ganho no passado os primeiros dois encontros do seu grupo. Começou da melhor maneira, ao marcar logo no terceiro minuto, por intermédio de Artem Dzyuba. Alexandre Lacazette empatou com um grande golo, no minuto 49, mas Hulk respondeu também com um belo tento, com Danny a fazer o resultado final, pelo que o Zenit continua com mais três pontos que o Valência.

Valência 2-1 Gent
O Valência tem mais cinco pontos que Lyon e Gent, mas precisou de dois autogolos num jogo em que o Gent lutou até ao fim. O toque de Sofiane Feghouli foi desviado para a baliza do Gent por Lasse Nielsen, no minuto 15, mas um belo remate de Thomas Foket fez o empate. No entanto, a 18 minutos do final, o centro remate de José Gayà ressaltou em Danijel Milicevic e fez o resultado final.