O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

Equipa da semana da UEFA Champions League

A equipa da semana do UEFA.com é dominada por jogadores dos semifinalistas vitoriosos, Barcelona e Juventus, e inclui Daniel Alves e Neymar, além de Lionel Messi.

Giorgio Chiellini (ao centro) comemora a vitória da Juventus na primeira mão contra o Real Madrid
Giorgio Chiellini (ao centro) comemora a vitória da Juventus na primeira mão contra o Real Madrid ©AFP/Getty Images

Guarda-redes: Manuel Neuer (FC Bayern München)
As coisas não correram particularmente bem no final, mas durante algum tempo o guarda-redes do Bayern travou as investidas do Barcelona. As suas excelentes intervenções na primeira parte a remates de Luis Suárez e Daniel Alves foram apenas duas das suas cinco defesas, garantindo que permanecia sem golos no Camp Nou até ao minuto 77.

Defesa: Daniel Alves (FC Barcelona)
Frustrado por Neuer pouco antes do intervalo, o lateral-direito brasileiro esteve, no entanto, no seu melhor, correndo para cima e para baixo todo o flanco em velocidade. O corte a Juan Bernat e o passe para Lionel Messi armaram o avanço crucial no marcador.

Defesa: Javier Mascherano (FC Barcelona)
Tranquilamente eficaz no coração da defesa do Barcelona, o argentino garantiu uma exibição segura, ajudando a restringir a linha de municiamento a Robert Lewandowski e a acorrentar com sucesso tanto o polaco quanto Thomas Müller.

Defesa: Leonardo Bonucci (Juventus)
Uma ameaça na área adversária nas bolas paradas, Bonucci também foi um colosso na defesa, fazendo três alívios e ganhando dois desarmes, com a Juventus a colocar o Real Madrid CF em xeque.

Defesa: Giorgio Chiellini (Juventus)
Terminou com a cabeça ligada e uma nova camisola (a original ficou coberta de sangue - mais uma prova da sua entrega). Concluídas com êxito todas as 57 tentativas de passe, foi, no entanto, a maneira como cortou e bloqueou que se tornou fundamental para a vitória da Juve.

Médio: Claudio Marchisio (Juventus)
Fez o passe para Carlos Tévez que originou o primeiro golo da Juventus e mostrou-se eficaz nas duas extremidades do campo. Disponível para o ataque dos anfitriões sempre que possível, nunca negligenciou as suas funções defensivas para restringir a ameaça do Real Madrid.

Médio: Arturo Vidal (Juventus)
Se ameaçou menos no ataque do que o habitual, tendo apenas feito um remate, muito do melhor trabalho do chileno foi defensivo. Dois desarmes e três alívios falam do volume e do seu ritmo de trabalho e tipificam a diligência defensiva da Juventus.

Médio: Ivan Rakitić (FC Barcelona)
Acertou um tiro no alvo e outro foi para fora, mas o valor real do croata estava em romper ataques esporádicos do Bayern. Foi ele próprio um perigo por diversas vezes, com o seu passe a encontrar Messi para o segundo golo da noite.

Avançado: Lionel Messi (FC Barcelona)
Por um longo período, parecia que não seria a noite do Barça, com as oportunidades a gorarem-se, mas Messi não seria travado. Inaugurou o marcador ao minuto 77 após passe de Alves, antes de "sentar" Jérôme Boateng para levantar a bola sobre Neuer e fazer o segundo. Ainda não satisfeito, fez o passe para Neymar marcar o terceiro no tempo de compensação.

Avançado: Carlos Tévez (Juventus)
Na melhor temporada de sempre na UEFA Champions League, Tévez criou o primeiro golo da Juve, com o seu remate a ser defendido para a frente de Álvaro Morata, que encostou. E ganhou o penalty que originou o segundo, com a sua corrida-relâmpago a ser interrompida em falta por Dani Carvajal. Tévez levantou-se para anotar o sétimo golo na competição em 2014/15.

Avançado: Neymar (FC Barcelona)
Bem ligado com Messi e Suárez, ainda parecia preparado para um resultado pessoal decepcionante, mas com o jogo a mover-se para os seus segundos finais, atirou brilhantemente por cima da barra após ter cortado para dentro. Após quatro minutos de descontos, no entanto, um passe de Messi colocá-lo-ia em boa posição e, desta vez, a finalização foi imaculada.