O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

Casemiro espera que o Porto chegue à final

"Temos capacidade para ir longe", disse antes dos quartos-de-final o médio brasileiro Casemiro, do Porto, à procura de repetir o êxito pessoal da época passada.

Casemiro comemora o golo marcado ao Basileia
Casemiro comemora o golo marcado ao Basileia ©AFP/Getty Images

Parece que algo forte está a guiar o FC Porto esta temporada. Com um grupo repleto de jovens de enorme talento que pratica futebol de ataque empolgante, o clube português era um dos nomes que os adversários queriam evitar no sorteio dos quartos-de-final da UEFA Champions League. Homem fundamental na caminhada até aos quartos-de-final tem sido o médio Casemiro e o brasileiro sonha alto.

"Estamos a melhorar a cada dia que passa, a cada jogo e estou certo de que há potencial para maior evolução", alertou o internacional do Brasil, de 23 anos, antes do embate dos quartos-de-final com o FC Bayern München, a 15 e 21 de Abril.

"Estamos entre as melhores equipas da Europa. Obviamente estamos a fazer um bom trabalho mas temos um longo caminho à nossa frente. Já mostrámos que temos capacidade para ir longe, mas temos de encarar jogo a jogo. Agora temos de pensar em jogar bem, depois nas meias-finais e a seguir na final."

Em acção pelo Real ante o Dortmund na época passada
Em acção pelo Real ante o Dortmund na época passada©AFP/Getty Images

Emprestado pelo Real Madrid CF, Casemiro provou ser elemento decisivo no centro do meio-campo dos "dragões", melhorando o seu futebol graças ao facto de estar a ser constantemente utilizado na formação portuguesa. "Aqui consegui encontrar o ritmo necessário", afirmou. "O clube, as pessoas que aqui trabalham, a equipa técnica e os jogadores, todos me ajudaram no relvado e fora dele. Tive a sequência de jogos que precisava. Quando actuamos regularmente evoluímos de jogo para jogo."

As suas exibições foram recompensadas na goleada por 4-0 sobre o FC Basel 1893 na segunda mão dos oitavos-de-final, quando o antigo atleta do São Paulo FC marcou na transformação de um belo livre directo. "Foi um momento muito especial para mim. Há algum tempo que trabalhava para isto e foi o segundo livre que bati de longa distância."

A festa ante o Basileia
A festa ante o Basileia©AFP/Getty Images

Após realizar seis jogos na edição de 2013/14 da competição, conquistada pelo Real Madrid, Casemiro quer voltar a sentir o sabor da glória. "Vencer uma prova destas é extraordinário", afirmou. "Não tenho palavras para descrever a felicidade que um jogador sente ao vencer algo assim. Digo apenas que temos de tentar imitar o que o Real Madrid conseguiu na época passada, abordando jogo a jogo."

No fim da temporada regressa ao Santiago Bernabéu, pelo que a carreira de Casemiro no Porto tem pela frente apenas alguns meses, mas está determinado a que termine com êxito. "Ouvir o hino da Champions League provoca pele de galinha", acrescentou o camisola 6, que vai tentar ouvi-lo mais do que apenas duas vezes.

Conteúdos relacionados