O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

Comunicado da UEFA sobre integridade das competições

A integridade da competição desportiva é um princípio fundamental para a UEFA e os regulamentos disciplinares e de competição expressam claramente que os clubes não podem influenciar outros sobre os jogadores que colocam em campo.

Comunicado da UEFA sobre integridade das competições
Comunicado da UEFA sobre integridade das competições ©UEFA

Em resposta a notícias veiculadas pelos órgãos de comunicação social sobre determinada situação relativa ao guarda-redes Thibaut Courtois, do Club Atlético de Madrid, a UEFA gostaria de reiterar a sua posição.

A integridade da competição desportiva é um princípio fundamental para a UEFA.

Tanto a UEFA Champions League como os Regulamentos Disciplinares da UEFA contêm cláusulas que proíbem veemente qualquer clube de exercer ou tentar exercer qualquer tipo de influência sobre os jogadores que outro clube possa (ou não possa) colocar em campo.

Daí resulta que qualquer cláusula existente num contrato privado entre clubes que possa funcionar para influenciar os jogadores que um clube coloca em campo num jogo é considerada nula, inválida e impraticável aos olhos da UEFA.

Para além disso, qualquer tentativa de reforçar tal cláusula constitui uma clara violação quer dos regulamentos da UEFA Champions League, quer dos Regulamentos Disciplinares da UEFA e será sancionada como tal.

Conteúdos relacionados