Benfica de Jesus focado na missão

"Teremos de estar ao nosso melhor", defendeu o treinador do Benfica, Jorge Jesus, que apela aos jogadores para esquecerem o encontro do Olympiacos e pensarem apenas no Paris.

Benfica de Jesus focado na missão
Benfica de Jesus focado na missão ©UEFA.com

O SL Benfica não vai deixar nada ao acaso na sua tentativa de terminar em segundo lugar no Grupo C, atrás do vencedor Paris Saint-Germain, quando as equipas se encontrarem na terça-feira. 

Foram estes os sentimentos expressos pelo treinador, Jorge Jesus, cuja equipa tem de alcançar mais pontos que os obtidos pelo Olympiacos FC no seu jogo em casa com o RSC Anderlecht, para manter-se em competição. "No Benfica jogamos sempre para vencer – essa responsabilidade continua a ser a mesma", disse. O Paris, entretanto, tentará usar o encontro de Lisboa como uma oportunidade para rodar futuros talentos do clube, sem prejuízo do sonho de Laurent Blanc de fazer história.

Benfica
Jorge Jesus, treinador
Apesar de estarmos dependentes do resultado do outro jogo, temos de trabalhar da mesma maneira que fazemos sempre, com vontade de vencer. No Benfica jogamos sempre para ganhar – essa responsabilidade continua a ser a mesma. Para derrotar o Paris teremos de estar absolutamente no nosso melhor. Ambas as equipas têm lesionados, estamos por isso equilibrados a esse nível, mas ambas têm também alternativas. A motivação é igual para as duas equipas.

Não interessa aquilo que possa acontecer no outro jogo se não vencermos o nosso. Com o decorrer do tempo veremos aquilo que temos de fazer aqui, dependendo do que se vai passando na Grécia. Foi lá que perdemos a nossa melhor oportunidade para nos qualificarmos. Jogámos muito bem e não merecíamos perder. Um empate era o mínimo que merecíamos, mas fomos derrotados, o que foi injusto. Atendendo ao que fizemos na Grécia, merecíamos ter mais pontos neste grupo.

Resultado do fim-de-semana
Sexta-feira: Benfica 2-2 FC Arouca (Rodrigo 40, Lima 83pen; David Simão 18, Serginho 74)
Artur; Maxi Pereira, Luisão, Garay, Cortez (Sulejmani 46); Fejsa (Ivan Cavaleiro 85), Enzo Pérez, Gaitán, Marković (Funes Mori 62); Lima, Rodrigo.

• Rogelio Funes Mori fez a sua estreia na equipa principal, no dia em que o Benfica falhou uma vitória na Liga pela primeira vez desde o final de Setembro.

Notícias da equipa 
Jesus diz que não poderá contar com Óscar Cardozo (costas) e Rúben Amorim (joelho) devido a lesões.

Paris
Laurent Blanc, treinador
Queremos manter um padrão elevado e vencer. Nunca uma equipa francesa conseguiu ganhar aqui e isso motiva-nos muito para o alcançar. É difícil jogar sem qualquer pressão, sem necessidade de fazer pontos, mas os jogadores que alinharem estarão prontos para isso.

É um estádio fantástico, com grande história, e é por isso o ambiente ideal para jogadores que ainda não alinharam nesta competição poderem aprender. Estarão em campo alguns futuros jogadores internacionais. Estamos aqui para usufruir do momento.

Resultado do fim-de-semana
Sábado: Paris 5-0 FC Sochaux-Montbéliard (Thiago Silva 14, Lavezzi 47, Cavani 62, Ibrahimovic 86 90+1)
Sirigu; Jallet, Alex (Marquinhos 60), Silva, Maxwell; Verratti, Motta, Matuidi (Pastore 73); Cavani, Ibrahimovic, Lavezzi (Lucas 79).

• O Paris respondeu à derrota a meio da semana com o Évian Thonon Gaillard FC – a primeira esta época em todas as competições – com a vitória mais volumosa na Liga desde Abril do ano passado.

Notícias da equipa
Gregory van der Wiel e Marco Verratti estão ambos suspensos. Blanc não tem preocupações com lesões novas, mas é esperado que faça alinhar uma equipa experimental. 

Estatística
• O Paris registou uma vitória por 3-0 a 2 de Outubro, quando as equipas se defrontaram, com Zlatan Ibrahimović a marcar duas vezes e Marquinhos a facturar o outro golo nos primeiros 30 minutos.