Artur: Benfica ainda acredita

O Benfica evitou o afastamento no último minuto da quinta jornada e terá agora uma tarefa difícil ante o Paris Saint-Germain, mas o guardião Artur aposta no apuramento a todo o custo.

Artur acredita que o Benfica pode ultrapassar o Olympiacos
Artur acredita que o Benfica pode ultrapassar o Olympiacos ©AFP

O SL Benfica recebe o Paris Saint-Germain esta terça-feira, com as esperanças de prosseguir na UEFA Champions League ainda intactas.

À entrada para o último minuto dos jogos da quinta jornada do Grupo C, o Benfica estava eliminado, pois empatava 2-2 no reduto do RSC Anderlecht e o Olympiacos FC estava em igualdade 1-1 em Paris. Mas Rodrigo marcou, deu o triunfo ao Benfica e Edinson Cavani recolocou o PSG (reduzido a dez jogadores) na frente, já ao cair do pano.

Apesar de o Benfica estar ainda atrás do segundo classificado Olympiacos, devido ao confronto directo, a formação portuguesa segue em frente se ganhar ao Paris e os campeões gregos não vencerem em casa o Anderlecht. O guardião "encarnado", Artur, fala ao UEFA.com sobre a jornada decisiva.

UEFA.com: Qual a importância daquele emocionante triunfo no terreno do Anderlecht?

Artur: Essa vitória reflecte bem o que é a nossa equipa e a qualidade que nós temos. Diz bem da nossa qualidade técnica e mental. Demos uma demonstração de que vamos lutar até ao fim pelo apuramento. Temos agora o jogo em casa com o Paris Saint-Germain, onde daremos o nosso melhor para vencer o jogo. Depois, o resultado entre Olympiacos e Anderlecht irá ditar se nos vamos apurar ou não.

UEFA.com: O Paris já está apurado para a fase seguinte. É esta uma boa altura para os defrontar?

Artur: Jogar contra o Paris é sempre difícil porque se trata de uma grande equipa, com um excelente plantel. Penso que eles jogam todas as partidas para vencer, mas nós vamos jogar em casa, diante do nosso público. Se queremos estar na próxima fase temos que vencer, independentemente do outro jogo.

UEFA.com: O Paris tem uma equipa muito ofensiva e que fez muitos golos. Como é a preparação para enfrentá-los, sendo guarda-redes?

Artur: Os jogos da Champions [League] são sempre contra excelentes adversários, os melhores classificados dos seus países. Isso quer dizer que estamos a defrontar os melhores do Mundo. A preparação vem da concentração exigida nos treinos, saber um pouco as características de cada jogador, para poder responder às diferentes acções que o jogo determina e estar sempre a postos.

UEFA.com: Como julga que vai estar o ambiente no estádio?

Artur: Acredito que vai estar um ambiente bastante caloroso. De certeza que o nosso público vai comparecer em peso e penso que o estádio deverá estar lotado, até porque estamos a atravessar um bom momento na Liga portuguesa. Agora precisamos do apoio do nosso público, pois só assim poderemos avançar para a próxima fase.

UEFA.com: Falando do estádio, deve ser uma honra para o clube receber a final? Isso provoca-vos um maior incentivo para tentar seguir em frente na fase de grupos?

Artur: Damos sempre 200 por cento, independentemente de onde se disputa a final da Champions [League]. Sendo a final em nossa casa é óbvio que todos sonham com essa possibilidade, mas sabemos que é muito difícil. Para lá chegarmos teremos de estar praticamente perfeitos. Isso passa por vencermos na terça-feira, mas infelizmente não dependemos só de nós. Cabe-nos dar o melhor, tentar vencer e, se tudo correr bem, passar à próxima fase.