Moyes saboreia teste do Leverkusen ao United

Perto de estrear-se na UEFA Champions League como treinador do Manchester United, David Moyes vai fazer tudo para "ganhá-la", a começar por uma vitória frente ao Leverkusen.

David Moyes perspectiva a estreia na fase de grupos
David Moyes perspectiva a estreia na fase de grupos ©Getty Images

David Moyes nunca conseguiu a qualificação para a fase de grupos da UEFA Champions League ao longo dos vários anos em que esteve no comando do Everton FC, pelo que confessa estar "ansioso" pela estreia na prova ao serviço do Manchester United FC.

O encontro do Grupo A será o primeiro do United em 28 anos e meio nas competições partida sem a liderança de Alex Ferguson e será frente ao Bayer 04 Leverkusen, de Sami Hyypiä, que tem boas recordações dos 10 anos em que jogou ao serviço do Liverpool FC. O antigo internacional finlandês deseja que a sua equipa aborde " sem receio" o desafio de terça-feira em Old Trafford.

United
David Moyes, treinador
Temos de medir forças com uma das melhores equipas da Alemanha, um grande clube de Espanha e temos de ir a Donetsk jogar com o Shakhtar, que tem muita experiência na UEFA Champions League, pelo que espero um grupo muito complicado.

Quando vou a Old Trafford e a Celtic Park assistir a jogos da UEFA Champions League ficou sempre espantado com o ambiente, que é muito importante para nós em Old Trafford. Estou aqui há pouco tempo, mas com estes adeptos e sob os holofotes de uma noite da UEFA Champions League... Estou que estes sejam motivos suficientes para os espectadores apoiarem a equipa. Os jogadores já estão motivados pelo nível do jogo e do adversário, vamos tentar dar um bom espectáculo.

Estou ansioso. Este jogo também é uma estreia para o Sami Hyypiä, pelo que não sou o único. Sempre quis disputar a UEFA Champions League. Fiz tudo o que podia para que isso tivesse acontecido com o Everton. Cheguei aqui por via do Manchester United e vou fazer tudo para conquistar este troféu.

Resultado do fim-de-semana
Sábado: United 2-0 Crystal Palace FC (Van Persie 45+1 pen, Rooney 81)
De Gea; Fabio, Ferdinand, Vidić, Evra; Carrick, Anderson (Fellaini 62); Valencia, Rooney, Young (Januzaj 67); Van Persie (Hernández 79).

• Moyes somou o primeiro triunfo em casa para o campeonato, com Marouane Fellaini, que foi contratado no fecho do período de transferências, a fazer a estreia pelo United. Wayne Rooney confirmou o triunfo com o primeiro golo da época.

Notícias da equipa
Rooney jogou com a cabeça ligada frente ao Palace de forma a proteger a cicatriz que o impediu de alinhar por Inglaterra no início deste mês. Danny Welbeck (joelho) está em dúvida, enquanto Phil Jones (tornozelo), Rafael (coxa) e Darren Fletcher (problema intestinal) não vão poder dar o contributo à equipa.

Leverkusen
Sami Hyypiä, treinador
Era completamente diferente ser jogador em Inglaterra, muito mais simples. No entanto, estou feliz por regressar aqui e ansioso por este jogo. Vamos defrontar um adversário temível, num estádio fantástico. Qualquer treinador ou jogador adora participar na UEFA Champions League. Espero que a equipa esteja ao seu nível e consiga um bom resultado.

Disputei os meus últimos 90 minutos como jogador do Liverpool aqui e ganhámos por 4-1. Foi um dia especial e joguei bem. O United tem grandes expectativas para esta época e considero que a pressão é maior sobre o David Moyes do que sobre mim. Podemos abordar o jogo com descontracção, temos de desfrutar do momento. Devemos respeitar o nosso adversário, mas não em demasia. Vou reunir as tropas para que joguem sem receio.

Não é a primeira vez que o United começa uma época de forma irregular. O David Moyes é um treinador experiente e precisa de tempo para fazer bem o seu trabalho. Espero causar-lhes alguns problemas e quebrar-lhes o ritmo.

Resultado do fim-de-semana
Sábado: Leverkusen 3-1 VfL Wolfsburg (Sam 24, Kiessling 65 90+2; Olić 39)
Leno; Hilbert (Donati 74), Wollscheid, Spahić, Boenisch; Reinartz, Castro, Rolfes, Sam (Kruse 88); Son (Can 81), Kiessling.

• O Leverkusen continua invicto em 17 recepções ao Wolfsburgo. A equipa da casa ganhou vantagem graças à velocidade de Sam na primeira oportunidade que criou, mas precisou de dois golos de Stefan Kiessling, no segundo tempo, para garantir os três pontos. Gustavo foi expulso no final.

Notícias da equipa
Gonzalo Castro não vai poder jogar devido a uma lesão numa coxa, enquanto Lars Bender (anca) e Jens Hegeler (coxa) estão em dúvida.

Facto do jogo
• Este é o primeiro desafio Europeu do United sem Alex Ferguson desde 20 de Março de 1985, quando a equipa comandada por Ron Atkinson foi afastada nos quartos-de-final da Taça UEFA pelo Videoton FC, que marcaria presença na final. Os ingleses perderam por 1-0 na Hungria e, com a eliminatória empatada a um golo, foram afastados por 5-4 no desempate.