Lição estudada por Heynckes compensa Bayern

Depois de estudar a Juventus em profundidade, Jupp Heynckes ficou satisfeito por ver a abordagem táctica do Bayern resultar em cheio graças a uma "exibição extraordinária".

Thomas Müller festeja o segundo golo do Bayern
Thomas Müller festeja o segundo golo do Bayern ©Getty Images

Jupp Heynckes, treinador do Bayern
Preparámos muito bem o jogo e tacticamente isso foi bem visível. Atacámos desde o início e conseguimos tirar o [Andrea] Pirlo de fora do jogo. A minha equipa mostrou muita confiança durante vários períodos de jogo e tivemos momentos de brilhantismo. Gostei da maneira como toda a gente me tentou ajudar nas escolhas para os titulares [pedidos para colocar em campo vários dos jogadores que estiveram no triunfo de sábado por 9-2 sobre o Hamburger SV], mas tinha outras ideias para este jogo e acho que resultaram.

Estudei a Juventus em profundidade e decidimos esta táctica para hoje. O nosso objectivo era pressionar o adversário desde o começo e tirar o Pirlo do jogo, situação que resultou em cheio. Foi um feito fantástico não termos sofrido golos contra uma equipa italiana. O que fizemos impressionou-me.

Em alguns momentos, vimos futebol de grande nível. Controlámos sempre o jogo. Se tivermos em conta que defrontámos uma equipa que está prestes a ser bicampeã de Itália, aferimos bem o grande desempenho da minha equipa.

Antonio Conte, treinador da Juventus
O Bayern fez um grande jogo. Enfrentámos uma grande equipa esta noite. Tenho que ser honesto e admitir que defrontámos hoje uma equipa melhor que nós. Sabemos que vai ser um jogo difícil e que o futebol é imprevisível, pelo que temos de fazer algo de fantástico ante uma equipa tão forte na segunda mão.

O Bayern tem grande qualidade, mas também tem uma grande condição física e um grande espírito de luta. Eles estão ao mesmo nível do Barcelona e do Real Madrid em termos de qualidade, mas são também uma equipa com "fome" depois da derrota na final do ano passado, em casa, nas grandes penalidades. E provaram esse nível esta noite.

O Bayern jogou a um ritmo muito alto, ganharam quase todos os duelos e não nos deixaram fazer o nosso jogo. É difícil zangar-me, pelo que posso apenas dizer que enfrentámos uma grande equipa, melhor que a nossa. O nosso projecto começou a apenas 16 meses, pelo que esta poderá ter sido uma lição importante, em especial para vermos o que é preciso para jogar a este nível. Já podemos sentir orgulho por estar nesta fase.