O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

Heynckes confiante num bom espectáculo

Jupp Heynckes espera "um jogo espectacular" quando o Real Madrid visitar a Fußball Arena München para defrontar o Bayern, enquanto José Mourinho diz que a sua equipa "não tem nada a perder".

Heynckes confiante num bom espectáculo
Heynckes confiante num bom espectáculo ©UEFA.com

O treinador do FC Bayern München, Jupp Heynckes, acredita que a meia-final da sua equipa na UEFA Champions League, frente ao Real Madrid CF, vai estar à altura das elevadas expectativas, mas recusa a ideia de que o líder da Liga espanhola é favorito. Por seu lado, o homólogo do Real, José Mourinho, espera que o anfitrião alemão jogue "com bastante garra" porque a final, a disputar no seu recinto, está a apenas dois jogos de distância.

Bayern
Jupp Heynckes, treinador
Vamos ver duas equipas em boa forma e, no meu entender, não há um favorito declarado. Conheço o Real muito bem, melhorou bastante esta época e o seu ataque é impressionante. Esperamos uma equipa muito ofensiva, especialmente em Madrid.

O Cristiano Ronaldo vai começar no flanco esquerdo mas é um jogador que está em todo o lado, por isso não vai ser apenas o [Philipp] Lahm a marcá-lo – será toda a equipa. É só uma questão de como entrar no jogo. É claro que temos uma estratégia mas, no fim de contas, vão ser os jogadores, no relvado, a decidirem.

Com a final agendada para Munique, trata-se de uma motivação extra para nós. Os meus jogadores estão confiantes e muito motivados. Toda a gente está concentrada, os rapazes querem cumprir o seu sonho e disputar a final aqui em Munique. A oportunidade de disputar uma final em casa é algo único na vida.

A pressão ainda é imensa para nós. Não é menor por não termos de nos preocupar mais com a Bundesliga. Ainda estamos na luta por dois títulos e é nisso que temos de nos concentrar agora. Devemos esquecer o resto. Os jogadores querem ter sucesso e essa é a forma de colocarem pressão neles próprios.

Existe bastante expectativa antes do jogo. Vamos assistir a um jogo espectacular – não só no ataque mas também na defesa. Vão mostrar o que sabem fazer e estou ansioso por esta partida. Espero um jogo muito interessante.

Resultado do fim-de-semana
Sábado: Bayern 0-0 1. FSV Mainz 05
Neuer; Rafinha, Boateng, Badstuber, Contento; Tymoshchuk, Schweinsteiger; Robben, T Müller (Kroos 79), Alaba (Ribéry 46); Olić (Gomez 61)

• O Bayern não marcou pelo segundo jogo consecutivo e viu chegar ao fim a série de 11 vitórias caseiras seguidas em todas as competições. Está a oito pontos do líder da Bundesliga, o Borussia Dortmund, a três jornadas do fim.

Notícias da equipa
Daniel Van Buyten está ausente desde que fracturou o metatarso a 20 de Janeiro, enquanto Breno ainda não jogou esta época devido a problemas num joelho.

Real Madrid
José Mourinho, treinador
Não temos nada a perder na UEFA Champions League. A única coisa que perdemos esta época foi a SuperTaça de Espanha. Agora estamos concentrados na UEFA Champions League e no campeonato espanhol.

Não tenho dúvidas em relação ao 11 inicial. Sei quem vou colocar em campo, no banco de suplentes e na bancada. Para jogos como este já sei quem vai jogar com alguns dias de antecedência. Não vos vou dizer nada sobre a minha equipa mas sei, por exemplo, a importância que um jogador como Kaká pode ter num jogo como este.

O Bayern é uma instituição. Tem tudo o que é preciso para ser um grande clube e para marcar presença na final. Podemos escrever história e dar o próximo passo. O Bayern possui muita qualidade individual, mas também dá muita importância ao colectivo. A juntar a isso tem ainda um grande treinador, Jupp Heynckes. Está a praticar um excelente futebol.

Não creio que sejamos favoritos. Mais importante do que a minha opinião é a de outras pessoas, dos peritos, como [Franz] Beckenbauer e [Ottmar] Hitzfeld, que julgam que o Bayern é favorito por causa dos nossos desempenhos recentes contra ele. O Bayern vai jogar com muita garra. É uma boa equipa, com grandes individualidades e um treinador inteligente. Deve ser um jogo interessante.

Resultado do fim-de-semana
Sábado: Madrid 3-1 Real Sporting de Gijón
(Higuaín 37, Ronaldo 74, Benzema 82; De las Cuevas 30pen)
Casillas; Arbeloa, Pepe, Sergio Ramos, Marcelo; Khedira, Şahin; (Benzema 46), Callejón (Di María 46), Özil, Ronaldo; Higuaín (Granero 76)

• Sem o castigado Xabi Alonso, o Real aumentou a sua conta de golos na presente edição da Liga para 107 e igualou o recorde do clube estabelecido em 1989/90. Cristiano Ronaldo ultrapassou o seu próprio recorde de 40 golos no campeonato, alcançado a época passada, e conta agora com 59 golos em 55 jogos esta época pelo clube e pela selecção de Portugal.

Notícias da equipa
Ricardo Carvalho (coxa, ausente desde 20 de Março) e Lassana Diarra (tendão de uma coxa, ausente desde 21 de Março) regressaram aos treinos, mas não viajaram até Munique. Marcelo e Ángel Di María estão disponíveis após recuperarem de lesões nas costas e na coxa, respectivamente.

Estatística
Os clubes defrontaram-se quatro vezes nas meias-finais da Taça dos Clubes Campeões Europeus: o Bayern prevaleceu em três ocasiões (1976, 1987, 2001) e o Real numa (2000). Iker Casillas é o único sobrevivente do jogo mais recente entre ambos nas meias-finais.

Conteúdos relacionados