Colman salva Trabzonspor ante o Lille

Trabzonspor AŞ 1-1 LOSC Lille Métropole
A grande penalidade convertida por Gustavo Colman, a 15 minutos do final, manteve os anfitriões na liderança do Grupo B.

O guardião do Lille, Mickaël Landreau, nega o golo a Serkan Balcı
O guardião do Lille, Mickaël Landreau, nega o golo a Serkan Balcı ©Getty Images

Uma grande penalidade convertida na segunda parte por Gustavo Colman deu ao Trabzonspor AŞ um ponto frente ao LOSC Lille Métropole, que ajudou a manter os estreantes turcos na liderança do Grupo B da UEFA Champions League.

A finalização certeira de Moussa Sow por entre as pernas do guardião Tolga Zengin deu aos visitantes, que haviam desperdiçado uma vantagem de dois golos na primeira jornada, na recepção ao PFC CSKA Moskva, a vantagem no final de uma primeira parte bastante equilibrada. No entanto, Colman empatou o encontro a 15 minutos do final, cobrando uma grande penalidade com um remate ao canto superior, após Mathieu Debuchy ter travado um cruzamento de Adrian Mierzejewski com a mão direita.

O Trabzonspor iniciou o encontro debaixo de um muito ruidoso apoio dos seus adeptos, esperando conseguir capitalizar sobre o seu surpreendente triunfo, há duas semanas, por 1-0, no terreno do FC Internazionale Milano, mas com uma cautela que também foi imitada nos momentos iniciais pelo Lille. Com a alcunha de "tempestade do Mar Negro", o Trabzonspor pouco fez para justificar esse cognome, uma vez que as suas primeiras iniciativas colocaram poucos problemas aos visitantes.

Os comandados de Şenol Güneş somente aos 20 minutos lograram o seu primeiro remate à baliza, mas mesmo quando o efectuaram, pouco significou para os fervorosos adeptos da equipa da casa, com Didier Zokora a atirar ao lado. Entretanto, o Lille adaptou-se bem ao relvado pesado, com Joe Cole, Eden Hazard e Sow a conseguirem várias vezes ganhar espaço e a assim colocar a defesa do Trabzonspor em apuros.

No entanto, a abordagem dos franceses surtiu efeito à passagem da meia-hora, quando Hazard fez um excelente passe para Sow, que desviou a bola de Tolga, que entretanto mergulhara aos seus pés, e conseguiu o seu segundo golo noutros tantos encontros das competições europeias. Os mesmos jogadores combinaram três minutos volvidos, com Sow a chegar atrasado ao cruzamento de Hazard.

O estado de espírito dos adeptos melhorou substancialmente cinco minutos após o intervalo, quando Serkan Balcı, servido por Halil Altintop, rematou ao lado. O Lille respondeu de imediato, uma vez que pretendia guardar os três pontos, com Sow, Cole e o impressionante Florent Balmont, que desviou um pontapé de canto de Hazard contra o ângulo do poste com a trave, a ficarem todos perto de marcar.

Contudo, a última palavra caberia ao Trabzonspor, com a grande penalidade de Colman a condenar o Lille ao quinto empate consecutivo em todas as competições e a assegurar a continuação do impressionante início na época de estreia.