O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

Arsenal aliviado, Udinese determinado

Bacary Sagna disse que o triunfo (1-0) do Arsenal sobre a Udinese provou que os "gunners" conseguem ganhar mesmo sem jogar bem, enquanto os visitantes "mal podem esperar pela 2ª mão".

Theo Walcott (à esquerda) festeja o seu tento com Gervinho
Theo Walcott (à esquerda) festeja o seu tento com Gervinho ©Getty Images

Bacary Sagna sentiu que o Arsenal FC não se apresentou no seu melhor por ocasião do triunfo por 1-0 sobre a Udinese Calcio na primeira mão do "play-off" da UEFA Champions, mas o internacional francês mostrou-se agradado pela unidade defensiva revelada por uma equipa que, recentemente, perdeu o seu capitão, Cesc Fàbregas. Entretanto, o médio da Udinese, Giampiero Pinzi, resumiu o ambiente entre os jogadores italianos para o jogo da próxima quarta-feira: "Estamos um pouco chateados com o resultado, mas queremos corrigi-lo o quanto antes."

Bacary Sagna, defesa do Arsenal
Estamos todos unidos no mesmo objectivo e mostrámos que temos um enorme espírito de equipa. Vamos ao terreno da Udinese com um golo de vantagem, mas apenas queremos jogar bem enquanto equipa e apurar-nos, porque isso é o mais importante. Não queremos sofrer golos na segunda mão, mantermo-nos atentos e defender bem enquanto equipa. É óbvio que podemos jogar melhor, mas mostrámos a toda a gente que, mesmo quando não jogamos bem, somos capazes de ganhar e foi isso mesmo que aconteceu. O Cesc [Fàbregas] era um grande jogador e ele mostrou várias vezes toda a sua qualidade, mas ele já não está cá e isso faz parte do futebol. Dito isso, é claro que vou sentir a sua falta.

Giampiero Pinzi, médio da Udinese
Lamentamos não ter aproveitado as nossas oportunidades de golo, mas por outro lado estamos confiantes com o facto de sabermos que os podemos bater, que eles têm pontos fracos e que, com o apoio dos nossos adeptos, somos capazes de dar a volta à eliminatória. Muitas equipas iriam ao fundo ao verem-se a perder tão cedo por 1-0 nos Emirates, mas provámos o nosso carácter, arregaçámos as mangas e demos boa conta de nós. Estamos um pouco chateados com o resultado, mas queremos corrigi-lo o quanto antes. Mal podemos esperar pelo encontro da segunda mão.