Eto'o quer Inter concentrado

Samuel Eto'o fez um "hat-trick" decisivo na goleada (4-0) imposta pelo Inter ao Bremen, mas o ponta-de-lança dos Camarões alerta que a sua equipa tem de continuar "humilde" para ter poder renovar o título europeu.

Samuel Eto'o comemora o primeiro de três golos marcado ao Bremen
Samuel Eto'o comemora o primeiro de três golos marcado ao Bremen ©Getty Images

Samuel Eto'o era só sorrisos depois de marcar o primeiro "hat-trick" ao serviço do FC Internazionale Milano, mas a principal estrela do sensacional triunfo de 4-0 sobre o SV Werder Bremen alertou para o facto de que o campeão europeu terá de continuar "humilde" para ter hipóteses de conservar o ambicionado troféu conquistado na época passada.

Eto'o jogou como único avançado do Inter devido à ausência de Diego Milito e realizou um jogo magistral. Marcou dois golos num curto período de seis minutos durante o primeiro tempo, fez a assistência para Wesley Sneijder assinar o 3-0, ainda antes do intervalo, e coroou a excelente exibição com o seu terceiro golo, a nove minutos do final do encontro.

Apesar desta exibição brilhante, o dianteiro dos Camarões não entrou em euforia com o primeiro triunfo na prova, resultado que deixou os "nerazzurri" na liderança do Grupo A devido à vantagem na diferença de golos sobre o Tottenham Hotspur FC.

"Foi um grande jogo", afirmou ao UEFA.com. "Quando ganhamos, ficamos sempre contentes, mas a felicidade é ainda maior quando fazemos golos. A coisa mais importante no futebol é vencer, porque podia ter marcado três golos e o Wesley [Sneijder] mais um e o Inter poderia ter saído derrotado. Ganhar é muito importante".

O antigo avançado do FC Barcelona começou a época em grande forma, marcando nove golos em todas as competições, e não mostra intenções de baixar o ritmo. "Estou muito contente, porque é o meu primeiro 'hat-trick' pelo Inter, mas espero que não seja o último". Eto'o sabe que também vai ter de lutar muito para vencer pela quarta vez a Taça dos Clubes Campeões Europeus, tanto mais que o jogador de 29 anos considera que existem equipas mais fortes em prova que o detentor do troféu.

"Vamos continuar humildes, pois sabemos que há adversários mais fortes do que nós, por isso vamos encarar um jogo de cada vez e tentar chegar o mais longe possível. A UEFA Champions League é complicada porque temos concorrentes como o Real Madrid, Barça e Manchester United".

"Não podemos esquecer clubes como o Tottenham, que é uma equipa muito, muito boa, mesmo sem ter o destaque do Manchester United. Por isso, vamos continuar humildes e dar o nosso melhor para chegar o mais longe possível." A equipa de Rafael Benítez vai ter oportunidade de avaliar pessoalmente a qualidade dos "spurs" a 20 de Outubro, quando receber a formação de Londres em Milão na terceira jornada do Grupo A.