O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

CSKA no caminho do PSV

O PSV Eindhoven recebe o CSKA de Moscovo na primeira jornada do Grupo G da UEFA Champions League e está apostado em realizar mais uma boa campanha.

Antes da época 2004/05, o PSV Eindhoven contava com oito participações na UEFA Champions League e nunca tinha conseguido ultrapassar a fase de grupos. Desde então, a equipa holandesa subiu imenso de rendimento e está apostada em realizar mais uma boa campanha, iniciando a participação no Grupo G com a recepção ao PFC CSKA Moskva.

• Guus Hiddink, antigo treinador do PSV, vai ser um espectador atento deste embate. Actualmente a ocupar o cargo de seleccionador da Rússia, Hiddink foi o responsável pela caminhada da equipa de Eindhoven até às meias-finais da edição de 2004/05, onde, após uma igualdade a três golos com o AC Milan, teve a infelicidade de ser afastado devido aos golos apontados fora de casa. Esse foi mesmo o melhor desempenho na Taça dos Clubes Campeões Europeus desde 1987/88, quando os holandeses conquistaram o troféu ao baterem o Benfica. Nenhuma equipa conseguiu marcar qualquer golo em 120 minutos de futebol, mas depois os holandeses superiorizaram-se por 6-5 no desempate por grandes penalidades.

• Há dois anos, o PSV repetiu o bom rendimento da época anterior, alcançando os oitavos-de-final. No ano passado, os holandeses chegaram até aos quartos-de-final, onde caíram face ao finalista Liverpool FC. Os ingleses impuseram-se por 3-0 na Holanda e por 1-0 em Anfield.

• Esta derrota pesada contrasta com os bons resultados que o clube consegue, normalmente, perante os seus adeptos. Até então, o PSV tinha somado 12 vitórias e três empates num total de 17 encontros.

• A equipa de Ronald Koeman conquistou recentemente o terceiro título holandês consecutivo, embora apenas com um golo de vantagem sobre o AFC Ajax, e pela terceira vez seguida vai iniciar a campanha europeia com um jogo em casa. Há um ano, os holandeses empataram a zero com o Liverpool, enquanto na época anterior tinham derrotado o FC Schalke 04 por 1-0.

• Este ano, o PSV vai completar 12 participações consecutivas na prova, uma série que remonta à época 1997/98. Apesar disto, esta vai ser a primeira vez que o clube holandês vai defrontar uma equipa russa nas competições europeias.

• Em contrapartida, o CSKA já encontrou equipas holandesas em duas ocasiões. Na Taça UEFA de 1996/97, os russos foram derrotados em casa, por 1-0, pelo Feyenoord, com o encontro da segunda mão a terminar empatado a um golo. Na mesma competição, mas em 2005/06, o CSKA conseguiu empatar a zero em casa do SC Heerenveen.

• Tal como aconteceu com o clube de Eindhoven, o CSKA também participou na primeira edição da UEFA Champions League, com ambas as equipas a ficarem no último lugar dos respectivos grupos, mas os russos só conseguiriam regressar ao convívio dos grandes do futebol europeu em 2004/05. Nesse ano, o CSKA foi relegado para a Taça UEFA, mas a época acabaria por ser inesquecível. Os russos conseguiram chegar até à final, tendo conquistado o troféu ao baterem o Sporting, por 3-1, em Lisboa.

• Após um ano de ausência, os moscovitas regressaram na época passada à UEFA Champions League, onde voltaram a ficar no terceiro lugar do grupo. De regresso à Taça UEFA, não conseguiram repetir o brilharete e ficaram pelo caminho nos 16 avos-de-final, frente ao Maccabi Haifa FC, com um resultado total de 1-0. O CSKA disputou 22 jogos em três presenças na UEFA Champions League, tendo conseguido sete vitórias e seis empates. Curiosamente, os russos apresentam um rendimento similar quando jogam em casa e fora, somando três vitórias, dois empates e 5 derrotas em Moscovo, enquanto longe dos seus adeptos contam com 3 triunfos, quatro empates e outros tantos desaires.

• Em 2006, a equipa liderada por Valeri Gazzaev terminou o campeonato russo com 58 pontos, em igualdade pontual com o FC Spartak Moskva, mas renovou o título por ter somado mais triunfos. Desta vez, o CSKA não vai defrontar o FC Porto, o que aconteceu nas épocas de 2004 e 2006, quando os russos conseguiram sair de Portugal com dois empates a zero. Nos últimos nove jogos disputados fora de casa nesta competição, incluindo encontros das pré-eliminatórias, o CSKA perdeu apenas dois jogos, somando quatro empates a zero.

• As outras equipas do grupo são o Fenerbahçe e o FC Internazionale Milano.