Regresso ao Jogo: a UEFA está a preparar-se para o regresso seguro das suas competições de elite.
Saiba mais >
 

Bayern e Milan moralizados

O Bayern de Munique empatou este fim-de-semana mas continua em excelente posição para renovar o título alemão. Bem mais complicada parece ser a tarefa do Milan na Serie A.

O FC Bayern München sofreu um pequeno percalço numa época em que parece ter caminho aberto para a renovação do título da Bundesliga. Desde que terminou a fase de grupos da UEFA Champions League, a equipa de Munique venceu sete dos nove jogos disputados, mas este fim-de-semana não conseguiu melhor do que um empate. Os alemães vão medir forças nos oitavos-de-final com o AC Milan, uma equipa que tem tido uma época cheia de altos e baixos, mas que está moralizada para o jogo de terça-feira, após ter conseguido três vitórias consecutivas.

Hannover 96 1-1 FC Bayern München
Após ter terminado a fase de Grupos da UEFA Champions League com um modesto empate a um golo face ao Club Brugge KV, o Bayern reencontrou a boa forma no campeonato alemão. A equipa de Munique venceu o 1. FC Kaiserslautern e o BV Borussia Dortmund, terminando a primeira volta do campeonato com 14 vitórias em 17 jogos, o que constitui um novo recorde na Bundesliga. Tal como na época passada, a equipa de Felix Magath está em excelente posição para conseguir a "dobradinha" pois, ao bater o 1. FSV Mainz 05 por 3-2, garantiu um lugar nas meias-finais da Taça da Alemanha.

Estes triunfos moralizaram a equipa para o estágio que realizou no Dubai e podem ter influenciado positivamente Willy Sagnol, que decidiu renovar o contrato com o Bayern até 2010 apesar de ter várias propostas de clubes italianos. Os campeões alemães aproveitaram também para reforçar a equipa com o paraguaio Júlio dos Santos, que foi contratado para competir por um lugar com Michael Ballack. Ainda assim, o centrocampista alemão teve um início de ano fabuloso, marcando três golos nos últimos quatro jogos do Bayern e mostrou que vai ser muito difícil de substituir, contribuindo decisivamente para a equipa ter conseguido dez pontos em quatro partidas.

O último golo foi marcado no sábado, nos últimos instantes do jogo com o Hannover. Ballack garantiu o empate do Bayern e mereceu enormes elogios do treinador Felix Magath. "Michael Ballack é o centrocampista mais perigoso do mundo dentro da grande área e hoje voltou a comprovar isso. Foi um prazer ver jogar a minha equipa, pois mostrou um grande espírito combativo", afirmou o treinador do Bayern. Magath tem contudo algumas razões para estar preocupado. Oliver Kahn lesionou-se numa coxa e teve de abandonar o relvado aos 51 minutos, estando em dúvida para o embate com o Milan. De fora deste jogo vão estar Owen Hargreaves e Roque Santa Cruz, enquanto Lúcio deve regressar à titularidade após ter sido poupado no jogo com a equipa onde alinha o português Ricardo Sousa.

Jogadores inscritos: Júlio Dos Santos e Markus Husterer
Jogadores que saíram: Nenhum

AC Milan 1-0 Cagliari Calcio
Após ter garantido a passagem aos quartos-de-final da UEFA Champions League, com uma vitória por 3-2 sobre o FC Schalke 04, o Milan sofreu um duro choque ao ser batido no "derby" de Milão pelo FC Internazionale Milano pelo mesmo resultado. A equipa de Carlo Ancelotti venceu depois o FC Messina Peloro e o AS Livorno Calcio, recuperando terreno antes da pausa de Inverno em Itália. Desde que o campeonato recomeçou o Milan tem mostrado uma grande falta de consistência e agora parece ser praticamente impossível destronar a Juventus da liderança da Serie A.

Os "rossoneri" começaram o ano de 2006 com uma vitória por 4-3 sobre o Parma FC de Fernando Couto. O Milan teve menos sorte na deslocação a casa da AS Roma, onde foi batido por 1-0, mas a equipa reagiu bem e venceu facilmente o Ascoli Calcio 1898 e o AC Siena. O afastamento da Taça de Itália frente ao US Città di Palermo foi um sinal de aviso para um período de crise do Milan, que perdeu pontos frente à UC Sampdoria e à S.S. Lazio.

A tranquilidade parece ter regressado à equipa graças ás vitórias sobre o Treviso FC e o Reggina Calcio, no sábado uma grande penalidade marcada por Alberto Gilardino permitiu ao Milan bater o Cagliari, conseguindo a terceira vitória consecutiva. Jaap Stam saiu do jogo ao intervalo como medida de precaução pois Carlo Ancelotti não se pode dar ao luxo de perder mais defesas, o treinador já não pode contar com Paolo Maldini e Cafu, que estão lesionados nos joelhos. O treinador optou também por poupar Andriy Shevchenko e Andrea Pirlo, que está engripado, e afirmou no final do jogo: "Terminou o período difícil. Estamos a melhorar e as três vitórias consecutivas fizeram renascer a autoconfiança. Agora só temos de estar concentrados em jogar bem contra o Bayern. Estamos em boa forma".

Jogadores que entraram: Marcio Amoroso
Jogadores que saíram: Christian Vieri

Topo