Shakhtar dispensa João Batista

O campeão ucraniano dispensou o brasileiro João Batista e o servo-montenegrino Nenad Lalatovic, devido a uma nova regra da federação do país.

O campeão da Ucrânia, o FC Shakhtar Donetsk, dispensou o médio brasileiro João Batista e o defesa Nenad Lalatovic, numa altura em que se prepara para defender o título nacional.

Batista de saída
João Batista, de 30 anos, efectuou somente sete jogos na sua primeira época no clube, ficando aquém das expectativas. Por seu turno, o servo-montenegrino Lalatovic, de 27 anos, fez apenas quatro jogos na época passada e não teve grande influência na equipa que conquistou o título. O seu regresso ao FK Crvena Zvezda foi já ventilado.

Nova regra
A decisão é também uma resposta à nova regra da Federação Ucraniana de Futebol, que impede os clubes de utilizar mais de oito jogadores estrangeiros em simultâneo. "Dispensámos Lalatovic, apesar de o seu contrato só expirar daqui a dez meses", afirmou o treinador Mircea Lucescu. "Ambos terão de ser substituídos por futebolistas ucranianos devido à regra dos jogadores estrangeiros".

Estreia com o Volyn
O Shakhtar joga hoje no terreno do FC Volyn Lutsk, na primeira jornada do campeonato ucraniano. A sua participação da UEFA Champions League inicia-se a 9 ou 10 de Agosto, na terceira pré-eliminatória de acesso à fase de grupos.