Espanha mantém vantagem sobre Alemanha e Inglaterra

A Espanha continua a liderar o "ranking" de coeficiente de clubes da UEFA, enquanto a Inglaterra, segunda, pode deixar  trio da frente em favor da Itália; Portugal continua quinto.

A vitória do Sevilha na UEFA Europa League ajudou a Espanha a manter-se no topo
A vitória do Sevilha na UEFA Europa League ajudou a Espanha a manter-se no topo ©AFP/Getty Images

A Espanha continua na liderança do "ranking" de coeficiente de clubes da UEFA, com Inglaterra e Alemanha igualmente a manterem a posição no trio da frente, que assegura três vagas na edição 2016/17 da UEFA Champions League. Portugal continua na quinta posição.

Mais recente "ranking" de coeficiente de clubes da UEFA

Não existem alterações nos sete primeiros lugares do "ranking": Espanha (dilatou a vantagem), Inglaterra e Alemanha mantêm os três primeiros lugares. Isso significa que estes três países vão colocar os três primeiros classificados do respectivo campeonato na fase de grupos da UEFA Champions League, enquanto o quarto ruma ao "play-off".

No entanto, a Bundesliga está a um ponto da Premier League e provisoriamente à frente no "ranking" de Verão 2016, que vai decidir as alocações de cada país para as competições de clubes da UEFA em 2017/18. A Itália bateu a Inglaterra por 5429 pontos na temporada agora finda e a repetição desse feito permitir-lhe-ia alcançar confortavelmente o terceiro lugar, em detrimento da Premier League, daqui a 12 meses, colocando ponto final na ausência de seis anos do trio da frente por parte da Serie A.

O Basileia alcançou os oitavos-de-final na época passada; em 2016/17, o campeão suíço não precisa de passar pela fase de qualificação
O Basileia alcançou os oitavos-de-final na época passada; em 2016/17, o campeão suíço não precisa de passar pela fase de qualificação©AFP/Getty Images

A Ucrânia levou a melhor sobre a Holanda na luta pelo oitavo posto, ao passo que a Suíça, ao subir de 13º para 11º, faz agora parte do lote de 12 países com pelo menos uma vaga garantida na fase de grupos da UEFA Champions League em 2016/17, à custa da Grécia. Já a Roménia passou de 16º para 15º e passou a dispor de duas vagas na terceira pré-eliminatória da UEFA Champions League 2016/17, em vez de uma.

O Liechtenstein foi quem registou a maior subida, da 46ª para a 38ª posição, apesar de continuar a ter apenas como participante europeu o vencedor da taça, pelo facto de não ter campeonato, na fase de qualificação da UEFA Europa League. O FC Vaduz, seu representante em 2014/15, atingiu a segunda pré-eliminatória e com isso deu ao Liechtenstein o 30º lugar no "ranking" da temporada.

PARA REFERÊNCIA: lista de acesso que foi utilizada para alocação das competições de clubes em 2015/16 com base no "ranking" de coeficiente de clubes no Verão de 2014.

Os cabeças-de-série para as competições de selecções da UEFA são decididos pelo "Ranking" de Coeficiente de Selecções da UEFA: a mais recente versão interina foi divulgada na segunda-feira e é usada para definir os cabeças-de-série nos sorteios do Campeonato da Europa da UEFA. O sorteio da qualificação europeia do Campeonato do Mundo, a 25 de Julho, será definido pelo "Ranking" Mundial FIFA do próximo mês, segundo o artigo 20 dos regulamentos oficiais.

Topo