O "site" oficial do futebol europeu

Shakhtar quer mais

Publicado: sexta-feira, 17 de Julho de 2009, 11.10CET
A conquista da Taça UEFA foi um acontecimento de grande importância para os ucranianos do Shakhtar Donetsk, mas novos desafios se colocam aos comandados de Mircea Lucescu.
por Bogdan Buga
de Kiev
Shakhtar quer mais
Shakhtar volta a contar com Julius Agahowa ©Getty Images

Especiais UEFA.com

Presidente da UEFA dá palestra na Universidade de Oxford
  • Presidente da UEFA dá palestra na Universidade de Oxford
  • Um gigante do futebol
  • UEFA de luto pela morte do Presidente Honorário Lennart Johansson
  • Undiano despede-se na final do Porto
  • Sarri confirmado na Juventus: conheça-o melhor
  • Fase Final da UEFA Nations League: Equipa do Torneio
  • Equipa da Semana na Europa League
  • Grandes recuperações na UEFA Champions League
  • Foto: Gerrard e os heróis do Liverpool em Istambul
  • Equipa da Semana da Europa League
1 de 10
Publicado: sexta-feira, 17 de Julho de 2009, 11.10CET

Shakhtar quer mais

A conquista da Taça UEFA foi um acontecimento de grande importância para os ucranianos do Shakhtar Donetsk, mas novos desafios se colocam aos comandados de Mircea Lucescu.

A conquista da Taça UEFA no passado mês de Maio foi um acontecimento de grande importância para o FC Shakhtar Donetsk, mas numa altura em que começa a nova temporada do calendário ucraniano, novos desafios se colocam no horizonte dos comandados por Mircea Lucescu.

Derrota com o Benfica
A formação de Leste realizou estágios de pré-época na Áustria e na Suíça. Na primeira fase, em terras austríacas, derrotou oponentes menos cotados. Mais tarde, após bater o FC Aarau e o FC Basel 1893, viu o BSC Young Boys, Benfica e Zamalek SC serem mais fortes. Com o Le Mans UC 72 não foi além de um empate. Resultados menos positivos, mas que não perturbaram aquela que foi a primeira equipa a dar um troféu europeu ao futebol ucraniano depois da independência do país.

Aposta na continuidade
O Shakhtar não apresenta grandes alterações no plantel desde que bateu o Werder Bremen em Istambul, no passado mês de Maio. Destaque apenas para as contratações do médio Vasyl Kobin, ex-FC Karpaty Lviv, e do avançado nigeriano Julius Aghahowa, que até já tinha representado o clube entre 2000 e 2006. Mais importante, Lucescu conseguiu segurar os seus mais cotados jogadores, incluindo Dmytro Chygrynskiy e Darijo Srna.

Objectivo imediato
"Já discutimos os nossos principais objectivos para a época com os jogadores", explicou Lucescu, que ficará a saber o adversário na terceira pré-eliminatória da UEFA Champions League ainda esta sexta-feira, dia de sorteio. "Primeiro, queremo-nos qualificar para a fase de grupos da UEFA Champions League. Se o conseguirmos, tentaremos realizar uma boa prova. Além disso, é importante começarmos bem na Liga ucraniana. Queremos vencer, para nos assegurar a presença na Champions League. Penso que merecemos a qualificação automática, mas temos de o provar em termos internos".

Início positivo
O Shakhtar não conseguiu garantir o título ucraniano em 2008/09, sendo ultrapassado pelo FC Dynamo Kyiv depois de um mau início de prova. E a equipa não quer cometer o mesmo erro. Para tal, há que começar da melhor forma frente ao FC Kryvbas Kryvyi Rih, já no sábado, no mesmo dia em que o Dínamo recebe o FC Chornomorets Odesa na estreia de Valeri Gazzaev ao leme. Além destes dois jogos, destaque para o FC Metalist Kharkiv, FC Dnipro Dnipropetrovsk, FC Vorskla Poltava e FC Metallurg Donetsk, que esperam surpreender esta temporada.

Última actualização: 17-07-09 16.29CET

Informação relacionada

Perfis das equipas

https://pt.uefa.com/memberassociations/news/newsid=847168.html#shakhtar+quer+mais