Rukavina confirmado em Dortmund

O clube alemão contratou o defesa-direito sérvio Antonio Rukavina e está perto de garantir o concurso de Jens Lehmann, guarda-redes do Arsenal.

O BV Borussia Dortmund contratou o defesa-direito sérvio Antonio Rukavina ao FZ Partizan, por cerca de 2,5 milhões de euros, e mostra-se "cautelosamente optimista" quanto a assegurar também o concurso de Jens Lehmann, guarda-redes do Arsenal FC.

Totalista
Contratado pelo Partizan ao FK Bežanija em 2006, o jogador de 23 anos não demorou a conquistar um lugar na equipa da capital, onde joga o português Almani Moreira, tendo sido titular nos 17 encontros disputados antes da pausa de Inverno e ajudado a que o Partizan acumulasse uma vantagem de seis pontos na liderança do campeonato. Rukavina assinou um contrato válido até 2012 e chega a Dortmund ao mesmo tempo que Mats Hummels, emprestado pelo FC Bayern München. O defesa de 19 anos disputou apenas dez encontros pela equipa de reservas do Bayern, esta época, devido a uma lesão no tornozelo direito e vai representar o clube do Ruhr até 30 de Junho de 2009.

Zorc continua
O director-desportivo Michael Zorc também prolongou o seu vínculo por mais uma época e passou a estar ligado ao clube até ao Verão de 2009. Actualmente com 45 anos, Zorc completa em 2008 uma década no cargo, tendo trocado o balneário pela carreira de director depois de uma brilhante passagem de 17 anos como jogador, envergando a camisola amarela e negra do Dortmund.

"Conversa positiva"
Entretanto, Hans-Joachim Watzke, gestor do emblema germânico, anunciou esta sexta-feira que as negociações para fazer regressar ao clube o guardião Lehmann poderão ficar concluídas brevemente, após o bom andamento das conversações mantidas entre as partes envolvidas. "Foi uma conversa muito positiva. O Jens disse que vai analisar a oferta, mas também pediu para não ser pressionado para tomar uma decisão, pretensão aceite por nós", explicou Watzke. "Não sei quando teremos uma resposta, mas posso afirmar que estamos cautelosamente optimistas sobre o desfecho deste negócio". Lehmann saiu do Dortmund em 2003 para representar o Arsenal.

Topo