Repórteres do UEFA.com falam sobre David Beckham

Nos 40 anos de David Beckham, os repórteres e correspondentes do UEFA.com recordam os seus jogos com um dos jogadores mais famosos de sempre.

David Beckham como capitão da Inglaterra
David Beckham como capitão da Inglaterra ©Getty Images

No dia em que David Beckham completa 40 anos, repórteres e correspondentes do UEFA.com recordam os seus encontros com um dos jogadores mais famosos da sua geração.

Sempre existira algo de especial em redor daquele extremo-direito louro que se via como o sucessor de Ryan Giggs como a próxima estrela feita pelo Manchester United FC. Mas nada se compara à estreia de David Beckham na visita ao Brighton & Hove Albion FC, numa noite de final de Verão de 1992.

Colocado em campo por Sir Alex Ferguson para ocupar o lugar de Andrei Kanchelskis a 17 minutos do final, Beckham recorda que fez bem as coisas simples e o jogo acabou; os momentos espectaculares teriam que esperar por nova oportunidade.

David Beckham num dos primeiros jogo ao serviço do Manchester United
David Beckham num dos primeiros jogo ao serviço do Manchester United©Getty Images

Beckham escreveu na sua autobiografia: "Estava tão entusiasmado que saltei do banco e parti a cabeça no teto do banco dos suplentes! Dezassete minutos como jogador do United, mas ainda me senti muito novo. Que idade tinha? Só 17?
Trevor Haylett

Numa noite fria em Bucareste, depois de um jogo da UEFA Champions League em que o alvo da entrevista era o provavelmente jogador mais famoso do mundo, as possibilidades de ter sucesso eram baixas, em especial por David Beckham discordar do que lhe perguntei.

David Beckham no seu jogo 100 na UEFA Champions League, frente ao Steaua
David Beckham no seu jogo 100 na UEFA Champions League, frente ao Steaua©Getty Images

O Real Madrid CF acabara de bater o FC Steaua Bucureşti por 4-1, a 1 de Outubro de 2006 e Beckham tornara-se a terceiro jogador a atingir os 100 jogos na UEFA Champions League, fase de grupos até à final, ao entrar durante a segunda parte. Quando falei a Beckham sobre esta marca, ele questionou os números, afirmando ter já recebido um prémio do Manchester United FC quando atingiu os 100 encontros nas provas Europeias.

Insisti que os meus números eram correctos e ele amavelmente acedeu a dizer-me algumas palavras - apesar de não estar ainda convencido. "A Champions League é a maior competição de clubes do mundo e atingir os 100 jogos com o Real Madrid depois de ter feito tantas partidas pelo Manchester United é uma honra", disse. Missão cumprida. Bom homem.
Michael Harrold

David Beckham durante a sua passagem pelo Milan
David Beckham durante a sua passagem pelo Milan©Getty Images

Quando o David Beckham foi apresentado aos adeptos do AC Milan em 2009 houve um cartaz que dizia: "Do topo do mundo a um top model - pobre Milan." Contudo, o médio rapidamente conquistou toda a gente com a sua postura humilde. A aventura no Milan terminou da pior maneira, com uma rotura no tendão de Aquiles em Março de 2010, frente ao AC Chievo Verona.

Jean-Pierre Meersseman, fundador do centro de investigação científica dos Rossoneri, o Milan Lab, afirmou: "O David é uma das pessoas mais interessantes que conheci. Foi sempre uma pessoa discreta e muito respeitadora, sempre o primeiro a chegar aos treinos e o último a sair.
Paolo Menicucci

David Beckham jogou pela Inglaterra frente ao Cazaquistão em 2009
David Beckham jogou pela Inglaterra frente ao Cazaquistão em 2009©Getty Images

Beckham foi sempre visto como uma estrela no Cazaquistão e quando a Inglaterra ali jogou, numa partida de apuramento para o Mundial 2010, ele era a principal atracção, apesar de não ser sequer uma das principais opções da sua selecção.

Suplente em Almaty, Beckham entrou em campo sob forte ovação, com o estádio a exultar quando ele apareceu junto ao quarto árbitro. Momentos depois da sua entrada, o jovem defesa cazaque Sabyrkhan Ibrayev fez um carrinho que obrigou Beckham a saltar para fugir ao choque – e o estádio voltou a explodir, desta feita para assobiar o seu próprio jogador por quase infligir uma lesão ao ídolo inglês.
Aidyn Kozhakhmetov

Topo