Valletta sagra-se campeão de Malta

O capitão do Valletta, Ryan Fenech, disse ao UEFA.com "não poder pedir mais" depois de a sua equipa bater o Birkirkara por 2-0 e retirar-lhes o título de campeão.

O Valletta ergue o troféu de campeão de Malta
O Valletta ergue o troféu de campeão de Malta ©Domenic Aquilina

Um livre de Shaun Bajada decorridos apenas dois minutos de jogo, abriu o caminho para um último dia memorável na Liga maltesa, com o Valletta FC a arrebatar o troféu de campeão das mãos de Birkirkara FC.

Partindo para o último jogo com dois de pontos de vantagem no topo da classificação, bastava um empate ao Birkirkara para ser campeão mas não conseguiu recuperar do golo madrugador de Bajada. Apesar de tentar remar contra a corrente do jogo, acabou novamente por sofrer um golo quando o suplente Roderick Briffa bateu Justin Haber pela segunda vez – abrindo o caminho para os festejos do Valletta que se vão estender pela noite na capital maltesa.

Ryan Fenech comemora no final
Ryan Fenech comemora no final©Domenic Aquilina

Perante 10 mil pessoas no Estádio Nacional, o Valletta produziu uma exibição empolgante. O capitão Ryan Fenech esteve imperial a meio-campo e não susteve as lágrimas após o apito final, tendo afirmado ao UEFA.com: “Foi um ano memorável para mim – casei, fui pai – a família, o Valletta FC e agora o título. Não posso pedir mais nada.”

Os 90 minutos finais do Valletta esta época resumiram grande parte dos oito meses anteriores, em que jogou, tal como disse o treinador holandês André Paus, no início da semana, "sem qualquer tipo de pressão". A sua recompensa foi uma vitória por 2-0, o seu 22 º título no campeonato e um lugar na UEFA Champions League da próxima temporada.

Topo