Época em revista: Lituânia

O Žalgiris levou o título lituano de volta para a capital pela primeira vez em 14 anos, acabando com o reinado de cinco épocas do Ekranas, e também arrecadou a Taça.

Treinador Marek Zub saudado após a conquista do título pelo Žalgiris
Treinador Marek Zub saudado após a conquista do título pelo Žalgiris ©Valdas Knyzelis

O VMFD Žalgiris reconquistou a Taça da Lituânia e recuperou o título para Vilnius pela primeira vez desde 1999.

Campeão: VMFD Žalgiris
Tendo iniciado a época com uma derrota, os homens de Marek Zub estiverem depois seis meses invictos e, com o atacante polaco Kamil Biliński a pontificar no ataque com 21 golos, Mantas Kuklys e Pavel Komolov a serem os criativos no meio-campo e o croata Luka Perić a dar a segurança na defesa, o título acabou por ser uma formalidade.

Final da Taça: VMFD Žalgiris 3-3 FK Šiauliai (ap, Žalgiris venceu 8-7 nos penalties)
Foram necessárias 18 grandes penalidades para o Zalgiris derrotar o Šiauliai, com as defesas do guarda-redes Armantas Vitkauskas a revelarem-se decisivas pelo segundo ano consecutivo.

Lugares europeus*
VMFD Žalgiris – segunda pré-eliminatória da UEFA Champions League
FK Atlantas – primeira pré-eliminatória da UEFA Europa League
FK Ekranas – primeira pré-eliminatória da UEFA Europa League
FK Banga/FK Trakai/FK Klaipėdos Granitas# – primeira pré-eliminatória da UEFA Europa League

*sujeita a confirmação da UEFA
#dependente dos resultados da Taça da Lituânia

Jogador do Ano: Mantas Kuklys (VMFD Žalgiris) a confirmar
Ao marcar o golo que deu a vitória na SuperTaça da Lituânia, em Março, o jogador de 26 anos tornou-se o talismã no sucesso do Žalgiris esta temporada.

Jogador a seguir: Donatas Kazlauskas (FK Atlantas)
Dispensado pelo Žalgiris na última época, o extremo reencontrou-se com a forma no renascido Atlantas, na sua terra-natal.

Equipa-sensação: FK Atlantas
A formação de Klaipeda terminou na oitava posição em 2012 revitalizando-se após a chegada do treinador russo Konstantin Sarsania, surpreendendo todos ao finalizar em segundo lugar na tabela, o melhor registo desde 2002.

Melhor marcador: Nerijus Valskis (FK Sūduva) – 27

Despromovido: FK Tauras

Promovido: FK Klaipėdos Granitas

Número: 23
Jogos consecutivos na primeira divisão a marcar pelo Žalgiris entre Abril e Outubro.

Declaração: "É a derrota mais feliz da minha vida."
A resposta do veterano jogador do Žalgiris, Andrius Skerla, após o emocionante final da Liga.

Topo