AZ derrota PSV e vence Taça da Holanda

"É um grande dia quando se ganha", disse o treinador do AZ, Gertjan Verbeek, depois de dois golos terem ajudado a sua equipa a derrotar o PSV por 2-1 na final da Taça da Holanda.

Adam Maher festeja o primeiro golo do AZ na final da Taça da Holanda, ganha ao PSV
Adam Maher festeja o primeiro golo do AZ na final da Taça da Holanda, ganha ao PSV ©Getty Images

Dois golos no espaço de dois minutos, na primeira parte, foram decisivos na vitória do AZ Alkmaar, por 2-1, sobre o PSV Eindhoven, em Roterdão, vencendo assim a sua quarta Taça da Holanda e a primeira desde 1982.

Adam Maher marcou o primeiro golo, aos 12 minutos, após lance individual, depois de ter levado a melhor sobre Wilfred Bouma antes de finalizar, com Jozy Altidore a fazer o segundo dois minutos depois, ao passar a bola por cima de Boy Waterman, na sequência de um excelente passe de Viktor Elm.

Jeremain Lens e  Bouma tiveram oportunidades para marcar, antes de Jurgen Locadia reduzir para o PSV, depois da meia-hora, concretizando de cabeça após Bouma ter desviado uma bola de Dries Martens. O PSV continuou a pressionar na segunda parte, com Mertens e Locadia a disporem de mais lances de perigo, mas seria Lens quem estaria mais perto, ao acertar no poste, nos últimos minutos da partida. O AZ seguraria a vantagem, no entanto, para garantir a quarta Taça da Holanda, depois dos triunfos  em 1978, 1981 e 1982.

"É um grande dia quando se ganha a Taça e nós conseguimos, o que é fantástico", disse o treinador do AZ, Gertjan Verbeek. "Começámos bem e chegámos ao 2-0, mas o 2-1 chegou depressa demais e depois o jogo esteve aberto durante muito tempo e os minutos passaram muito devagar, posso dizê-lo. Derrotámos o [campeão] Ajax na meia-final e depois o PSV. Merecemos ganhar esta competição."

Topo