CSKA e Anji prontos para a Primavera

O mercado de Inverno russo encerrou na quarta-feira, com atacantes brasileiros a reforçaremos candidatos ao título CSKA e Anji, e o Zenit a dar atenção ao sector defensivo.

Vágner Love regressou para cumprir mais um período no CSKA
Vágner Love regressou para cumprir mais um período no CSKA ©Getty Images

Um mês inteiro após o prazo limite oficial da UEFA, o mercado de Inverno russo fechou na quarta-feira com a transferência de Willian, do FC Shakhtar Donetsk para o FC Anji Makhachkala, por 35 milhões de euros, a ser talvez o negócios mais sonante na Europa.

Segundo classificado, o Anji já tem uma frente de ataque notável, com Samuel Eto’o e Lacina Traoré, mas a ambição da formação do Daguestão não tem limites, na luta pelo seu primeiro campeonato, e acredita-se que a contratação de Willian seja a terceira mais cara na Rússia, atrás de Hulk (60 milhões) e Axel Witsel (40 milhões), dupla do FC Zenit St Petersburg.

"Não contratamos estrelas na fase descendente da carreira", explicou o treinador do Anji, Guus Hiddink, sobre a aposta no médio-ofensivo de 24 anos. "Queremos jogadores jovens e talentosos na nossa equipa."

O CSKA não foi tão longe, preferindo apostar numa cara conhecida, Vágner Love, que volta a representar o clube, pela terceira vez. "Não vou pedir para regressar a casa novamente, só se a Direcção assim o entender. Venho para tentar ajudar o clube a ser campeão e a apurar-se para a Champions league", disse o avançado de 28 anos.

Outros clubes preferiram reforçar sectores mais recuados. O Zenit (de Bruno Alves e Danny) contratou os defesas Luís Neto e Milan Rodić, enquanto o defesa-central Salvatore Bocchetti trocou o FC Rubin Kazan pelo FC Spartak Moskva. Em resposta, o Rubin convenceu Yann M'Vila a deixar o Stade Rennais FC. Sobre o seu novo pupilo, o treinador do Rubin, Kurban Berdyev, disse: "M'Vila é jovem e talentoso – o melhor médio do campeonato francês. A sua chegada vai reforçar as nossas ambições internas e europeias."

Não se registaram grandes movimentações no último dia: o Anji garantiu Emir Spahić, do Sevilla FC, o FC Rostov recebeu Danko Lazović, do Zenit, e o Spartak reforçou-se com Ognjen Vukojević, do FC Dynamo Kyiv, tudo negócios por empréstimo.

Topo