Zestafoni vence SuperTaça da Geórgia

Quinto classificado na defesa do título, o Zestafoni bateu o Dila Gori, vencedor da Taça da Geórgia, por 4-2, no desempate por grandes penalidades e ganhou a SuperTaça.

Os jogadores do Zestafoni festejam a conquista do troféu após o desempate por grandes penalidades
Os jogadores do Zestafoni festejam a conquista do troféu após o desempate por grandes penalidades ©Badri Ketiladze

O campeão FC Zestafoni derrotou o FC Dila Gori, vencedor da Taça da Geórgia, por 4-2, no desempate por grandes penalidades após nulo no final da tempo regulamentar e arrecadou a SuperTaça pela segunda vez.

Houve poucas oportunidades de golo durante os 120 minutos do jogo antes do veterano defesa David Kvirkvelia, do Dila, falhar a conversão e o guarda-redes da selecção da Geórgia, Roin Kvaskhvadze, defender a tentativa de Leonardo Ramos. Tornike Gorgiashvili marcou depois o penalty decisivo e deu a vitória ao Zestafoni.

"Não fiquei satisfeito com a qualidade do nosso futebol, mas sim com o resultado", disse o treinador Kakha Kacharava, vencedora do primeiro troféu à frente do Zestafoni desde que assumiu o comando da equipa, em Dezembro passado. "Claro que estou feliz pelo nosso triunfo, mas isso não significa que devamos esquecer os problemas que foram evidentes no nosso jogo."

"É a primeira vez que conquisto um troféu", revelou Oriol Lozano, contratado pelo campeão ao Real Murcia CF em Janeiro. "É muito difícil ganhar títulos a não ser que se jogue em grandes equipas. É por isso que estou extremamente feliz. Espero que esta não seja a última taça que ganho pelo Zestafoni."

Topo