Fischer fiel à tradição dinamarquesa no Ajax

Após adaptação perfeita ao Ajax, Viktor Fischer, de 18 anos, é já comparado a Michael Laudrup e o treinador Frank de Boer classifica o dinamarquês como um "enorme talento".

Viktor Fischer tem desfrutado de uma época de estreia fantástica na equipa principal do Ajax
Viktor Fischer tem desfrutado de uma época de estreia fantástica na equipa principal do Ajax ©Getty Images

Sempre com abundância de jovens talentos, o AFC Ajax parece ter descoberto mais um, no caso Viktor Fischer, internacional dinamarquês de 18 anos.

O versátil avançado bisou no triunfo sobre o Feyenoord, este domingo, naquela que se está a revelar uma época de estreia vistosa na equipa principal. "Antes deste jogo tinha um bom pressentimento, mas agora sinto-me fantástico", disse, antes de falar sobre o excelente golo que marcou. "Quando recebo a bola, ajo espontaneamente e faço o que acho ser o correcto. Apesar de ter ajudado a decidir o jogo, podia ter feito melhor, pois perdi a bola muitas vezes."

Apesar da autocrítica sincera e de estabelecer padrões de qualidade elevados, Fischer recebeu bastantes elogios. O treinador do Ajax, Frank de Boer, destacou a postura do jovem no segundo golo que marcou. "Mostra o porquê de termos apostado nele, que é pelo facto de ser um enorme talento", disse o antigo internacional holandês. "Quando se consegue manter a calma numa situação do género, sob tanta pressão, isso mostra que se tem a qualidade necessária para vingar no futebol."

Para além disso, basta recordar os nomes de Søren Lerby, Frank Arnesen, Jesper Olsen e Michael Laudrup para se perceber que existe uma boa tradição dinamarquesa no emblema de Amesterdão. O compatriota Kenneth Perez, antigo jogador do Ajax, espera muito de Fischer.

"Ele tem potencial para, no futuro, ser um dos três melhores jogadores do Mundo", disse Perez. "Possui inteligência e personalidade, para além de combinar qualidades técnicas e mentais. Foi isso que vimos no primeiro golo frente ao Feyenoord, em que teve um momento 'à Laudrup'."

Topo