O "site" oficial do futebol europeu

Gattuso quer voltar a pôr Sion no topo

Publicado: sexta-feira, 13 de Julho de 2012, 10.32CET
O Basileia inicia esta sexta-feira a caminhada rumo à tentativa de conquistar o quarto título seguido na Suíça, mas os holofotes incidem no Sion após a contratação do consagrado Gennaro Gattuso.
por Michael Schifferle
Gattuso quer voltar a pôr Sion no topo
Gennaro Gattuso em acção na pré-temporada do Sion ©Getty Images

Especiais UEFA.com

Presidente da UEFA dá palestra na Universidade de Oxford
  • Presidente da UEFA dá palestra na Universidade de Oxford
  • Um gigante do futebol
  • UEFA de luto pela morte do Presidente Honorário Lennart Johansson
  • Undiano despede-se na final do Porto
  • Sarri confirmado na Juventus: conheça-o melhor
  • Fase Final da UEFA Nations League: Equipa do Torneio
  • Equipa da Semana na Europa League
  • Grandes recuperações na UEFA Champions League
  • Foto: Gerrard e os heróis do Liverpool em Istambul
  • Equipa da Semana da Europa League
1 de 10
Publicado: sexta-feira, 13 de Julho de 2012, 10.32CET

Gattuso quer voltar a pôr Sion no topo

O Basileia inicia esta sexta-feira a caminhada rumo à tentativa de conquistar o quarto título seguido na Suíça, mas os holofotes incidem no Sion após a contratação do consagrado Gennaro Gattuso.

O FC Basel 1893 inicia esta sexta-feira à noite a caminhada rumo à tentativa de conquistar o quarto título seguido na Suíça, mas os holofotes estarão postos sobre o FC Sion, equipa que precisou de um triunfo num "play-off" na época passada para se manter no escalão principal.

Em pleno UEFA EURO 2012, o Sion chamou a atenção do mundo do futebol ao contratar o médio italiano Gennaro Gattuso. Vencedor do Mundial de 2006, da UEFA Champions League e da Serie A, o jogador de 34 anos fora dispensado pelo AC Milan e, alegadamente, tinha propostas de Itália, Rússia e do seu antigo clube, Rangers FC, mas, ao invés, optou por um contrato de dois anos com uma formação que almejará o seu primeiro título suíço em 15 anos.

"As pessoas aqui em Valais têm a paixão a correr pelas veias", disse Gattuso, cuja acessibilidade e vontade de dar tudo nos treinos - correr muito, desarmar forte e fazer a sua voz ouvir-se no relvado - já conquistou bastantes adeptos do Sion. "Eles recordam-me as pessoas da minha região natal, a Calábria. São muito emocionais."

O presidente do clube, Christian Constantin, teve um papel importante na contratação de Gattuso, mas a verdade é que o médio transalpino sempre teve o futebol suíço em grande consideração. "O nível sempre foi bom e seria ainda melhor se os internacionais suíços jogassem aqui e não no estrangeiro", explicou.

Mesmo sem figuras como Xherdan Shaqiri e Granit Xhaka na Liga suíça, o desafio de concorrer com o Basileia pelo título é "bastante apelativo" para Gattuso. "Ainda não estou acabado e estou ansioso por mostrá-lo a toda a gente", acrescentou. "Mas, acima de tudo, estou aqui para derrotar o Basileia".

Gattuso terá essa oportunidade a 4 de Agosto, contudo, antes disso, no domingo, a sua equipa visita o Grasshopper Club, 27 vezes campeão.

Última actualização: 15-07-12 5.14CET

Informação relacionada

Perfis das equipas

https://pt.uefa.com/memberassociations/news/newsid=1840997.html#gattuso+quer+voltar+sion+topo