Basileia campeão da Suíça

"É muito especial trabalhar com estes jogadores e ninguém me pode tirar este prazer", afirmou Heiko Vogel, treinador do Basileia, depois de levar o clube a conquistar o 15º título suíço.

Heiko Vogel conduziu o Basileia ao 15º título
Heiko Vogel conduziu o Basileia ao 15º título ©Getty Images

O FC Basel 1893 bateu o FC Lausanne-Sport por 3-1 e conquistou o terceiro título consecutivo de campeão da Suíça.

Este triunfo permite ao Basileia dispor de 18 pontos de vantagem sobre o segundo classificado, o FC Luzern, e tornar-se no primeiro clube suíço a conquistar o título em Abril. Marco Streller, Alexander Frei e Jacques Zoua marcaram os golos que permitiram dar início a uma enorme festa no lotado St. Jakob-Park. A equipa de Heiko Vogel pode fazer a “dobradinha”, já que vai defrontar o Lucerna na final da Taça da Suíça, a 16 de Maio.

O Basileia perdeu o treinador Thorsten Fink para o Hamburger SV, em Outubro, mas continuou a somar bons resultados e está imbatível no campeonato desde Agosto. Nesse período, o clube que conquistou o 15º título de campeão suíço e afastou o Manchester United FC da UEFA Champions League, tendo dado muita luta ao FC Bayern München na primeira mão dos oitavos-de-final.

"É difícil descrever o que sinto, mas estou extremamente feliz", explicou Vogel. "É algo semelhante ao que senti quando batemos o Manchester United, por 2-1, na UEFA Champions League. Estou todo arrepiado. É muito especial trabalhar com estes jogadores e ninguém me pode tirar este prazer".

O capitão Marco Streller também está muito satisfeito com a evolução da equipa. "No início da época muita gente dizia que podia ser o campeonato suíço mais emocionante de sempre", recordou. "Começámos mal, mas conquistámos o título a cinco jornadas do final, o que é excelente. Trabalhámos muito para viver estes momentos".

Topo