Tavriya leva a melhor

Lucky Idahor apontou, no prolongamento, o golo que ofereceu a um Tavriya Simferopol já reduzido a dez elementos a sua primeira Taça da Ucrânia e a presença na UEFA Europa League na próxima temporada.

O Tavriya Simferopol levou a melhor sobre o Metalurh Donetsk na final da Taça da Ucrânia
O Tavriya Simferopol levou a melhor sobre o Metalurh Donetsk na final da Taça da Ucrânia ©Arvidas Shemetas

Lucky Idahor apontou, no prolongamento, o golo que deu a um SC Tavriya Simferopol já reduzido a dez elementos a primeira Taça da Ucrânia da sua história, graças a um triunfo por 3-2 sobre o FC Metalurh Donetsk, que vale ainda a presença na UEFA Europa League na próxima temporada.

A formação da região da Crimeia, orientada por Serhiy Puchkov, foi a primeira a marcar no encontro da final, ganhando vantagem logo aos dois minutos, por intermédio de Oleksandr Kovpak, que concluiu da melhor forma um passe de Maksym Feschuk. E o Tavriya parecia mesmo caminhar tranquilamente para a vitória quando, ainda antes do intervalo, Kovpak converteu com êxito uma grande penalidade cometida sobre si mesmo e ampliou a vantagem.

Finalista vencido em 1994, o Tavriya viu, contudo, o Metalurh reagir no segundo tempo e chegar à igualdade. Henrik Mkhitaryan reduziu a desvantagem logo após o reatamento e o lateral-direito português Mário Sérgio restabeleceu o empate a 15 minutos do fim. No prolongamento, o Tavriya sofreu novo golpe com a expulsão de Saša Djurčić, mas o ponta-de-lança nigeriano Idahor acabou por se tornar no herói da equipa ao apontar o golo da vitória.

"Apesar de ter sido um encontro tão dramático, jogado sempre com os nervos à flor da pele, tenho de felicitar os meus jogadores pela sua coragem e vontade de vencer", afirmou, no final da partida, um extremamente feliz Puchkov. "Sim, é verdade que cometemos alguns erros ao longo do jogo, mas merecemos esta vitória e os nossos adeptos mereciam que lhes oferecêssemos esta grande festa. Agora podemos relaxar um pouco e começar, depois, a preparar-nos para a UEFA Europa League e para a partida da SuperTaça da Ucrânia, diante do FC Shakhtar Donetsk".

Topo