O "site" oficial do futebol europeu

Época em revista: Alemanha

Publicado: Quinta-feira, 23 de Junho de 2011, 11.07CET
A jovem equipa do Dortmund surpreendeu ao conquistar a Bundesliga pela primeira vez desde 2002, enquanto o Schalke ganhou a quinta Taça da Alemanha numa época estranha.
por Steffen Potter
de Frankfurt
Época em revista: Alemanha
Roman Weidenfeller ergue o sétimo troféu de campeão da Bundesliga da história Dortmund ©Getty Images
Publicado: Quinta-feira, 23 de Junho de 2011, 11.07CET

Época em revista: Alemanha

A jovem equipa do Dortmund surpreendeu ao conquistar a Bundesliga pela primeira vez desde 2002, enquanto o Schalke ganhou a quinta Taça da Alemanha numa época estranha.

O Borussia Dortmund conquistou o sétimo título da Bundesliga, enquanto o FC Schalke 04 redimiu-se de uma campanha menos feliz no campeonato com a conquista da sua primeira Taça da Alemanha desde 2002. Hannover 96 e 1. FSV Mainz 05 surpreenderam, ao ficarem no quarto e quinto lugares, respectivamente, atrás do decepcionante FC Bayern München, 22 vezes campeão.

Campeão: Borussia Dortmund
Com o Bayern a partir como favorito à revalidação do título, poucos acreditariam nas hipóteses do Dortmund entrar na luta pela conquista da Bundesliga. Porém, a jovem formação orientada por Jürgen Klopp, com o inspirado Lucas Barrios na frente de ataque e Nuri Şahin e Sven Bender a pautarem o jogo no meio campo, não mais olhou para trás a partir do momento em que se encontrou na liderança da classificação, a 31 de Outubro, com um ponto de avanço. O Dortmund somou 14 vitórias nas primeiras 16 jornadas e, apesar de uma pequena quebra na recta final, assegurou mesmo a conquista do sétimo título de campeão germânico da sua história, o primeiro desde 2002. "Passámos por tantos problemas há apenas um ano", destacou Dedé, lateral-esquerdo do Dortmund. "Ninguém acreditava que um ano depois estaríamos aqui, de volta ao topo. Nem sei o que dizer!"

Final da Taça: MSV Duisburg 0-5 FC Schalke 04
O Schalke terminou a Bundesliga num decepcionante 14º lugar, mas compensou o facto ao chegar às meias-finais da UEFA Champions League e conquistar a Taça da Alemanha, a quinta da história do clube. Golos de Julian Draxler, Klaas Jan-Huntelaar (2), Benedikt Höwedes e José Manuel Jurado selaram o triunfo do Schalke frente ao Duisburgo, do segundo escalão, garantindo ao mesmo tempo um lugar nas competições europeias em 2011/12, na UEFA Europa League.

Lugares europeus
Borussia Dortmund – Fase de grupos da UEFA Champions League
Bayer 04 Leverkusen – Fase de grupos da UEFA Champions League
FC Bayern München – "Play-off" da UEFA Champions League
FC Schalke 04 – "Play-off" da UEFA Europa League
Hannover 96 – "Play-off" da UEFA Europa League
1. FSV Mainz 05 – Terceira pré-eliminatória da UEFA Europa League

Jogador a seguir: Mario Götze (Borussia Dortmund)
Mario Götze, de 19 anos, disputou 33 jogos na Bundesliga ao longo da temporada, tendo apontado seis golos e efectuado 15 assistências naquela que constituiu a sua temporada de afirmação na prova. A velocidade de Götze, aliada à capacidade de controlo de bola e habilidade de partir para cima dos adversários, valeram-lhe a primeira internacionalização pela selecção principal da Alemanha, frente à Suécia, em Novembro, além de rasgados elogios por parte de lendas como Matthias Sammer, que o descreveu como "um dos maiores talentos que alguma vez tivemos [na Alemanha]".

Equipa-sensação: 1. FSV Mainz 05
O quinto lugar alcançado pelo Mainz representa a melhor classificação do clube em mais de uma década e valeu-lhe o apuramento para a UEFA Europa League. No arranque da temporada, a equipa orientada por Thomas Tuchel era apontada como uma das candidatas à descida de divisão, mas fez muitos engolirem as próprias palavras com as sete vitórias somadas nas sete primeiras jornadas. O clube começou igualmente a olhar para o futuro e, em Julho, mudou-se para um novo estádio, com capacidade para 33.500 espectadores. "A nossa principal prioridade passa por cimentar a posição do Mainz na Bundesliga", disse Christian Heidel, director-geral do Mainz. "Estaríamos também satisfeitos com uma classificação no 12º ou 13º lugar. O nosso objectivo na próxima época será fugir à despromoção."

Jogador do ano: Nuri Şahin (Borussia Dortmund)
O médio turco passou por algumas dificuldades no início da carreira com a camisola do Dortmund, que o levaram mesmo a ser emprestado ao Feyenoord em 2007/08. Contudo, na última temporada foi o coração da equipa do Dortmund que acabou por se sagrar campeã. O centrocampista, de 22 anos, foi eleito Jogador do Ano com o voto de 46% dos jogadores da Bundesliga, antes de ver confirmada a sua transferência para o Real Madrid CF, pelo qual assinou um contrato válido por seis anos.

Melhor marcador: Mario Gomez, FC Bayern München (28)

Número: 73
Giorgios Tzavellas, do Eintracht Frankfurt, marcou a 73 metros da baliza o golo da sua equipa na derrota por 2-1 frente ao Schalke, batendo o recorde da Bundesliga para o golo com o remate a maior distância do alvo.

Promovidos: Hertha BSC Berlin, FC Augsburg

Despromovidos: Eintracht Frankfurt, FC St Pauli

Citação
"Marquei três golos em 150 jogos. Como poderia ser capaz de lhe dar conselhos de jeito?"
Christoph Metzelder deixou entender que não era a pessoa indicada para ajudar Huntelaar, seu colega de equipa no Schalke, a ultrapassar um período de seca de golos.

Última actualização: 11-07-11 11.20CET

Informação relacionada

Perfis dos jogadores
Federações membro
Perfis das equipas

http://pt.uefa.com/memberassociations/association=ger/news/newsid=1648812.html#epoca+revista+alemanha