O "site" oficial do futebol europeu

Real Madrid motivado para próximos embates

Publicado: Quinta-feira, 21 de Abril de 2011, 9.04CET
José Mourinho conduziu o Real Madrid ao triunfo sobre o Barcelona na Taça de Espanha e está optimista para o embate com os catalães na UEFA Champions League.
Real Madrid motivado para próximos embates
Os jogadores do Real Madrid estão desejosos pelo próximo encontro com o Barça ©Getty Images
Publicado: Quinta-feira, 21 de Abril de 2011, 9.04CET

Real Madrid motivado para próximos embates

José Mourinho conduziu o Real Madrid ao triunfo sobre o Barcelona na Taça de Espanha e está optimista para o embate com os catalães na UEFA Champions League.

José Mourinho conduziu o Real Madrid CF à vitória sobre o FC Barcelona, na final da Taça de Espanha, e no final do encontro afirmou que "tudo pode acontecer" no reencontro entre os dois clubes, na próxima semana, na primeira mão das meias-finais da UEFA Champions League.

Este foi o segundo embate entre os grandes rivais em apenas quatro dias. O jogo foi muito intenso e só ficou decidido no prolongamento, quando Cristiano Ronaldo marcou o único golo com um cabeceamento certeiro, dando ao clube "merengue" o seu primeiro troféu desde o triunfo na SuperTaça de Espanha de 2008. A vitória do Real Madrid permitiu a Mourinho tornar-se no primeiro treinador a conquistar as Taças em Portugal, Inglaterra, Itália e Espanha, pois também já ganhou títulos ao serviço do FC Porto, Chelsea FC e FC Internazionale Milano.

"Estou muito feliz por ter ganho a taça no meu país e em outras três potências do futebol europeu, mas são os jogadores que decidem tudo no relvado," afirmou o treinador português de 48 anos.

"Foi uma partida muito equilibrada," continuou. "Fomos mais fortes no primeiro tempo e ainda não sei como é que o cabeceamento do Pepe não deu golo [foi devolvido pelo poste]. Eles foram melhores na segunda parte. Foi um grande jogo de futebol, jogámos muito bem frente a um adversário poderoso, o que torna este resultado ainda mais valioso."

O treinador, que já venceu por duas vezes a UEFA Champions League, não deixou de responder às críticas no que toca à sua opção de jogar com três médios-defensivos: "Tinha de jogar com seis avançados para agradar a algumas pessoas, mas jogámos da forma que consideramos a mais adequada."

Mourinho reconheceu que os jogadores do Real Madrid "libertaram-se da pressão de não conquistarem troféus há alguns anos" e adiantou que o encontro com o Barça nas meias-finais da UEFA Champions League vai ser imprevisível. "Sei que podemos levar a melhor numa eliminatória. Tudo pode acontecer frente aos melhores adversários. Eles têm uma equipa fantástica, tanto podemos ganhar como perder."

Josep Guardiola, que tinha vencido as seis finais que disputou como treinador do Barcelona, não perdeu o optimismo para os próximos embates com o Real Madrid. "Queria dar os parabéns ao Real Madrid e às duas claques," afirmou. "É melhor ganhar do que perder, mas não podemos vencer sempre. Vamos recuperar, como já fizemos no passado. Temos de estar preparados para o jogo do campeonato no sábado, frente ao [CA] Osasuna, e só depois nos vamos preparar mentalmente para os próximos desafios."

Última actualização: 21-04-11 11.34CET

Informação relacionada

Perfis dos treinadores
Perfis das equipas

http://pt.uefa.com/memberassociations/association=esp/news/newsid=1622232.html#real+madrid+motivado+para+proximos+embates