O "site" oficial do futebol europeu

A chegar: Inglaterra

Publicado: Quinta-feira, 7 de Julho de 2011, 11.00CET
Um "chef" apresentador de televisão, o padroeiro das causas perdidas e o primeiro representante galês na Premier League integram a análise do UEFA.com aos clubes promovidos em Inglaterra.
A chegar: Inglaterra
O QPR exibe o troféu da vitória no Championship, o segundo escalão em Inglaterra ©Getty Images
Publicado: Quinta-feira, 7 de Julho de 2011, 11.00CET

A chegar: Inglaterra

Um "chef" apresentador de televisão, o padroeiro das causas perdidas e o primeiro representante galês na Premier League integram a análise do UEFA.com aos clubes promovidos em Inglaterra.

Queens Park Rangers FC
Quinto em 1992/93, o emblema de Londres foi o clube da capital de Inglaterra com melhor "ranking" aquando da edição inaugural da Premier League, que não disputa desde 1996. A equipa possui uma ligação antiga a São Judas, o padroeiro das causas perdidas – e tinha "Jude the Stadium Cat" como mascote até à sua retirada, em 2008, por ordem dos novos donos italianos, sob a justificação que os gatos pretos traziam má sorte. O vocalista dos Libertines, Pete Doherty, escreveu um dos cânticos do QPR, "All Quiet On The Western Avenue".

Norwich City FC
Os "canários" regressaram à elite inglesa depois de duas subidas de divisão consecutivas sob o comando do treinador escocês Paul Lambert, o primeiro bretão a vencer a UEFA Champions League, pelo Borussia Dortmund, em 1996/97. Ausente da Premier League desde 2005, o emblema de Norfolk terminou uma vez a prova no terceiro posto e disputou a Taça UEFA em 1993/94, na qual, depois de afastar o FC Bayern München, foi eliminado pelo FC Internazionale Milano. Um dos principais investidores do clube é o "chef" Delia Smith, famoso apresentador televisivo.

Swansea City FC
Depois de uma longa caminhada, culminada com o triunfo no "play-off", o Swansea tornou-se no primeiro clube do País de Gales a chegar à Premier League, apesar de ter já alinhado no escalão principal inglês entre 1981 e 1983 – chegou mesmo a liderar a prova durante algumas jornadas na primeira temporada, mas acabou em sexto. O treinador dos "swans", Brendan Rodgers, da Irlanda do Norte, fez parte da equipa técnica de José Mourinho no Chelsea FC, onde foi técnico das camadas jovens e da equipa de reservas. A actriz Catherine Zeta Jones é adepta deste clube do sul de Gales.

Última actualização: 11-07-11 16.47CET

Informação relacionada

Perfis das equipas

http://pt.uefa.com/memberassociations/association=eng/news/newsid=1649747.html#a+chegar+inglaterra