O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

UEFA apoia Jogo Contra a Pobreza

A UEFA e o seu presidente, Michel Platini, apoiam o Jogo Contra a Pobreza, a 14 de Dezembro, em Atenas, sublinhando o esforço global para reduzir o flagelo e para alcançar objectivos de desenvolvimento.

Ronaldo e Zinédine Zidane ajudam a organizar o Jogo Contra a Pobreza, como embaixadores da boa vontade do PNUD
Ronaldo e Zinédine Zidane ajudam a organizar o Jogo Contra a Pobreza, como embaixadores da boa vontade do PNUD ©UNDP

A UEFA garantiu o seu apoio ao anual Jogo Contra a Pobreza, que terá lugar na Grécia, na terça-feira, a 14 de Dezembro, e constituirá uma plataforma perfeita para o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD).

Tal como sucedeu nos últimos anos, Ronaldo e Zinédine Zidane, embaixadores da boa vontade do PNUD, vão juntar uma equipa de jogadores de toda a Europa para enfrentar uma de estrelas do Olympiacos FC, num jogo amigável que contribuirá para os esforços na luta pela diminuição global da pobreza e pelos oito Objectivos de Desenvolvimento do Milénio das Nações Unidas (ODMs).

O encontro terá lugar no Estádio Georgios Karaiskakis, no Pireu, pelas 20h15 (de Portugal Continental) de 14 de Dezembro. Irá chamar a atenção e angariar fundos para os milhões de pessoas afectadas pelo terramoto no Haiti, em Janeiro último, e pelas cheias no Paquistão, verificadas durante o Verão.

A UEFA e o seu presidente, Michel Platini, voltam, uma vez mais, a conferir o seu apoio ao evento. "O Jogo Contra a Pobreza constitui uma plataforma única e extraordinária para despertar atenções em relação ao Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento, que visa angariar fundos para o combate à pobreza global", salientou Platini. "Este ano irá ajudar os milhões de pessoas atingidas pelo terramoto no Haiti e pelas cheias no Paquistão."

"De todos os desportos, talvez apenas o futebol, com a sua dimensão global e regras simples de 'fair play', tenha a possibilidade de juntar tantas pessoas desta forma e chamar tanta atenção para estes problemas à escala mundial", acrescentou o presidente da UEFA. "Envio o meu total apoio a todos os envolvidos neste jogo tão especial, incluindo os embaixadores da boa vontade do PNUD. Ronaldo e Zinédine Zidane, e todos os jogadores e adeptos que marcarão presença."

O PNUD é a rede global das Nações Unidas que ajuda as pessoas na procura das suas necessidades de desenvolvimento e na construção de uma vida melhor. O Jogo Contra a Pobreza representa o meio ideal para sublinhar o desafio de combater a pobreza global.

Os ODMs foram adoptados em 2000 e reafirmados pelos líderes de 191 países na Conferência das Nações Unidas de 2005. Os Objectivos de Desenvolvimento do Milénio das Nações Unidas visam reduzir para metade a pobreza no Mundo até 2015, através da introdução de objectivos na luta contra a fome, doenças, iliteracia, degradação ambiental e discriminação contra as mulheres.

Clique aqui para mais informações.

Informações sobre os bilhetes para o jogo podem ser encontradas no "site" oficial do Olympiacos.