O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

Prémio da UEFA apoia adeptos com deficiência

O Prémio Anual de Solidariedade da UEFA, no valor de cerca de 665 mil euros, vai ser entregue em 2009 à Associação Nacional dos Adeptos com Deficiência do Reino Unido, na habitual cerimónia no Mónaco.

Representantes da Associação Nacional dos Adeptos com Deficiência, no Estádio de Wembley
Representantes da Associação Nacional dos Adeptos com Deficiência, no Estádio de Wembley ©dialogic-agency

O Prémio Anual de Solidariedade da UEFA, no valor de cerca de 665 mil euros, vai ser entregue à Associação Nacional dos Adeptos com Deficiência do Reino Unido (NADS), na habitual cerimónia no Mónaco, pelo seu programa de quatro anos para o desenvolvimento do projecto Centro de Acesso ao Futebol na Europa (CAFE).

Prémio de 2009
A atribuição do prémio foi aprovada pelo Comité Executivo da UEFA na sua última reunião, em Bucareste, na Roménia, e este será entregue em Agosto, no Mónaco, durante as cerimónias da UEFA que assinalam o arranque de mais uma temporada de competições europeias de clubes.

Aumentar a consciencialização
O objectivo do projecto CAFE passa por potenciar o acesso dos adeptos com deficiência aos jogos de futebol e melhorar as infra-estruturas para deficientes nos estádios de toda a Europa. Pretende, igualmente, aumentar o grau de consciencialização e melhorar as vidas das pessoas com deficiências, através da influência especial que o futebol tem na Europa, bem como construir uma rede de grupos de adeptos com deficiência por todo o continente europeu.

Apoio e partilha de conhecimentos
Com este prémio, a UEFA vai ajudar a Associação Nacional dos Adeptos com Deficiência a desenvolver esta sua iniciativa por toda a Europa, tornando o futebol mais acessível aos amantes da modalidade com deficiências, mas contribuindo também para a sua inclusão na vida social no seu todo. Através do projecto CAFE, este organismo do Reino Unido terá oportunidade de partilhar os seus conhecimentos e apoiar todos os envolvidos na matéria - entre eles a UEFA, federações nacionais de futebol, Ligas, clubes e adeptos, para além dos grupos de adeptos com deficiência.

Clique aqui para ler mais sobre a Associação Nacional dos Adeptos com Deficiência do Reino Unido