UEFA anuncia acordo sobre alterações climáticas no EURO 2020

A UEFA vai plantar 600.000 árvores nos 12 países anfitriões e investir em projectos de energia renovável para compensar as emissões de carbono de adeptos e funcionários do organismo.

O UEFA EURO 2020 vai ter lugar em 12 cidades ao longo da Europa
O UEFA EURO 2020 vai ter lugar em 12 cidades ao longo da Europa ©UEFA.com

O Presidente da UEFA, Aleksander Čeferin, anunciou esta terça-feira, em Ljubljana, Eslovénia, um investimento considerável no combate às alterações climáticas tendo o UEFA EURO 2020 como palco.

A UEFA vai plantar 50.000 árvores em cada um dos 12 países anfitriões do EURO para celebrar o 60º aniversário do Campeonato da Europa, deixando um legado duradouro da competição.

Para além disso, a UEFA vai investir em projectos de energia renovável de padrão ouro, em parceria com o South Pole, por forma a compensar as estimadas 405.000 toneladas de carbono produzidas pelas deslocações de adeptos e funcionários da UEFA durante o torneio.

Durante o anúncio do plano, Aleksander Čeferin disse: "O UEFA EURO 2020 é uma celebração do futebol europeu que vai acontecer por todo o continente. A natureza do torneio significa que existem muitos benefícios para além do tradicional. Para além da capacidade de levar os jogos a comunidades mais diversas na Europa, não há necessidade de construir novos estádios e redes de transportes, o que acarreta sempre um grande custo ambiental."

"Mas também tem um custo, com mais viagens a serem realizadas pelos adeptos para assistirem aos jogos. A UEFA leva muito a sério as suas responsabilidades neste capítulo, e por isso pretendemos contrabalançar as emissões de carbono que isso causa. Trabalhar com o South Pole vai ajudar a construir projectos de energia renovável de padrão ouro, que serão de valor inestimável para o planeta.

"Além disso, queríamos celebrar os 60 anos do Campeonato da Europa, e combinar isso com um legado climático é uma escolha lógica. Cerca de 600.000 árvores vão ser plantadas - 50.000 em cada um dos 12 países anfitriões. Penso que isto vai ajudar todas essas comunidades a beneficiar do facto de terem organizado o EURO 2020".

A UEFA é signatária da Iniciativa Desporto para a Acção Climática.

Topo