UEFA congratula-se com decisão do TAS sobre o Skënderbeu

A UEFA congratula-se com a decisão do Tribunal Arbitral do Desporto ao rejeitar o recurso do KS Skënderbeu face a uma decisão do Comité de Recursos da UEFA em 26 de Abril de 2018.

©UEFA.com

A UEFA congratula-se com a decisão do Tribunal Arbitral do Desporto (TAS) de rejeitar o recurso interposto pelo KS Skënderbeu contra a decisão do Comité de Recursos da UEFA em 26 de Abril de 2018.

Consequentemente, o TAS confirmou a decisão dos órgãos disciplinares da UEFA de excluir o KS Skënderbeu das competições da UEFA por dez (10) anos e multar o clube em 1.000.000 de euros, devido ao envolvimento em actividades destinadas a viciar o resultado de jogos.

Esta é mais uma confirmação da confiabilidade do sistema de detecção de fraudes de apostas (BFDS) da UEFA na identificação de padrões de apostas anormais nos jogos disputados pelos clubes nas provas europeias e nacionais.

Com esta decisão, o TAS defende os esforços envidados para proteger as competições nacionais e da UEFA da manipulação de resultados; mostra também a confiança que o TAS tem no UEFA BFDS - desenvolvido em conjunto com a Sportradar - que é uma ferramenta crucial para ajudar a garantir a integridade das competições. Os relatórios de monitorização de apostas, como os fornecidos pela Sportradar e outras entidades - como neste caso específico, a Starlizard - são confirmados como ferramentas apropriadas na luta contra a viciação de resultados.

O BFDS foi estabelecido em 2009 em resposta à crescente ameaça de manipulação de partidas nas competições nacionais e da UEFA. O seu papel é destacar os movimentos de apostas irregulares, tanto antes como no decorrer dos jogos (em directo) nos principais mercados de apostas, monitorizando todas as principais casas de apostas europeias e asiáticas.

A monitorização dos mercados de apostas abrange todos os jogos das competições da UEFA (aproximadamente 2.000 por temporada) e jogos nas duas principais divisões e taças nacionais das federações membro da UEFA (aproximadamente 30.000 jogos por época). A monitorização usa algoritmos sofisticados e modelos matemáticos para comparar as probabilidades calculadas com as probabilidades reais das casas de apostas para determinar se as probabilidades num minuto ou período de tempo específicos são irregulares.

Topo